Fechar

Fechar

Arimatéa Souza

segunda-feira, 07/08/2017

Temer suaviza reforma

Desigualdade latente

Reflexões do médico e apresentador de TV Dráuzio Varella, em artigo publicado no final de semana no jornal Folha de São Paulo.

“A Justiça brasileira faz questão de mostrar que é desigual. Já vivi o suficiente para aprender que a igualdade entre seres humanos só é atingida depois da morte, em qualquer parte do mundo.

“No Brasil, o emaranhado de leis, jurisprudências e recursos cabíveis à aplicação delas asseguram aos bons escritórios de advocacia, a possibilidade de manter criminosos longe das grades por muitos anos – ou para sempre”.

Adiamento

O PSDB decidiu (leia-se a sua cúpula) realizar só em novembro e dezembro próximos as eleições para renovar os seus diretórios em todos os níveis.

Por aqui

Na Paraíba, o diretório estadual ´tucano´ é uma fonte de reclamação constante da parte do prefeito Romero Rodrigues, que administra a maior cidade governada pelo partido no Estado.

Marasmo

Em Campina Grande, a presidência exercida pelo deputado Pedro Cunha Lima é meramente cartorial, sem qualquer atividade regular ou vida orgânica.

A reboque…

Ainda sobre o PSDB, um grupo de economistas que milita no partido há muito tempo e participou da concepção do Plano Real (Governo FHC) divulgou dias atrás uma ´carta aberta´ à direção do partido.

… Dos fatos

Em um trecho do documento, registram que “infelizmente, incapaz até agora de se dissociar de um governo (Temer) manchado pela corrupção institucionalizada que herdou do PT, o PSDB tem optado por deixar vazio o centro político e ético de que o país tanto precisa”.

Parabéns pra você

“Vão passando os anos/ E eu não te perdi/ Meu trabalho é te traduzir…”

Trecho da música Trilhos Urbanos, do genial Caetano Veloso, que festeja 75 anos hoje.

Vai apadrinhar

O ´entorno´ do presidente Temer retemperou o ânimo para colocar na rua, nos próximos meses, as candidaturas do ministro Henrique Meireles (Fazenda) e do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Alves (DEM-RJ), à Presidência da República em 2018.

O detalhe

Quem será o cabeça de chapa e quem será o vice, ficará para as pesquisas em tempo oportuno.

´Filial´

O deputado estadual Cabo Rafael (PSL) está solicitando ao governo estadual a instalação de uma Casa da Cidadania no bairro ´Malvinas´, o mais populoso de Campina Grande.

Da boca de…

“… Michel Temer deve tudo ao medo da mudança. Ele honrará a sua dívida às nossas custas…” (Demétrio Magnoli, antropólogo).

Crise?

O governo federal já contratou a festa alusiva ao Sete de Setembro (Dia da Independência), em Brasília, ao custo de R$ 1 milhão e 900 mil.

Pausa

A professora Iolanda Barbosa deverá se licenciar alguns dias do cargo de secretária de Educação da PMCG para se submeter a uma intervenção cirúrgica.

Garimpo

O presidente Michel Temer concedeu uma longa entrevista ao jornal O Estado de São Paulo, publicada no final de semana.

A representatividade do cargo e a singularidade das circunstâncias que enfrenta recomendam uma lupa sobre as duas declarações. Resumidamente, é o que segue.

Denúncias

“O que me prende ao cargo hoje é muito mais a defesa da minha reputação moral. A denúncia é pífia, inepta. Se vier uma nova, vamos enfrentá-la. Eu me sinto muito constrangido, porque tentam imputar-me uma pecha de corruptor. Não sei bem quem é que está violando os limites da lei. Eu não sou.

´Algoz´

“Ele (Rodrigo Janot, procurador geral da República) passou a ter uma atuação muito mais de natureza política, e quase pessoal, do tipo ´quero ver qual é o time que ganha´, e não a sua função institucional. Não se trata de disputas pessoais. Nem ele deve ter disputa pessoal com o presidente da República, muito menos eu terei com ele. Jamais lhe daria essa satisfação.

Delações

“As pessoas estão cansadas disso.

Transparência

“Este é um governo que não mente. Quando temos dificuldade, nós todos, a área econômica, vamos a público e dizemos como está a situação.

Reforma da…
“Muitas vezes eu chamo a reforma de atualização previdenciária. Se vocês fizerem um retrospecto histórico das reformas da Previdência, verificarão que a cada oito, dez anos, há uma atualização previdenciária. Porque o mundo está mudando, a idade vai mudando, as condições vão mudando.

… Previdência

“A gente faz agora a reforma que é possível. E sendo uma reforma possível, ela não será tão abrangente como deveria. Então é possível que daqui a seis, sete, oito anos, tenha que fazer uma nova atualização”.

Isonomia

Ainda Temer: “A questão da igualação da previdência privada com a previdência pública é fundamental. As pessoas não suportam mais a história de diferenças, de privilégios. A Constituição brasileira determina a igualdade de todos. Todos são iguais perante a lei, ou mesmo homens e mulheres são iguais em direitos e deveres. Na verdade, o mote constitucional é dizer que não poderá haver distinções entre pessoas”.

Palocci calado; Eduardo Cunha calado... Estampido à vista...
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube