Fechar

Fechar

Arimatéa Souza

quinta-feira, 31/05/2018

´Sururu´ em plenário

´O que é isso companheiro?´

Após uma recente visita ao ex-presidente Lula na cadeia, a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, revelou a “contrariedade” dele com a ideia de alguns petistas no sentido de que os presidenciáveis de esquerda coloquem no programa de governo a proposta de um indulto para Lula a partir do ano que vem.

 

´Chega´
“(Lula disse): tem que parar de dizer para as pessoas falarem em indulto para mim. Eu não sou culpado. Indulto é para culpado, é perdão. Eu sou inocente”, reproduziu a senadora.

Da boca de…

“… Até julho, o interesse do eleitor é baixo. Precisa crescer na hora certa. Não adianta crescer agora e cair no mês que vem…” (presidenciável Geraldo Alckmin, PSDB, acerca de seu baixo desempenho nas pesquisas já divulgadas).

Descontentamento

A direção do Sintab externou o seu desapontamento com a aprovação, anteontem, pelo Legislativo campinense, do percentual de 2% de reajuste para o funcionalismo que percebe acima do salário mínimo, cuja data-base é o dia 1º de maio.

Na fonte

A Petrobrás anunciou ontem outro reajuste no preço da gasolina – 0,74%.

O interessante é o valor do preço do litro do produto na saída das refinarias: R$ 1,96.

Da boca de…

“… A causa não é só deles, é nossa…” (cantor Roberto Carlos sobre o protesto dos caminhoneiros).

Quase tudo…

Ao participar, ontem, da efetivação da suplente de deputada Eva Gouveia na presidência do PSD no Estado, o senador José Maranhão (MDB) declarou que ele e o PSC “estamos inteiramente afinados e vamos ´bater o martelo´.”

… Acertado

Nos cálculos de Zé, a coligação entre os dois partidos deverá ser anunciada “em, no máximo, duas semanas”.

´Cardeais´

Os prefeitos de Campina Grande e João Pessoa, Romero Rodrigues (PSDB) e Luciano Cartaxo (PV), respectivamente, também prestigiaram a posse de Eva, assim como o vice-prefeito pessoense Manoel Júnior (PSC).

Prioridade

Eva declarou que vai intensificar os contatos com os prefeitos do PSD no Estado, e com os que apoiavam Rômulo Gouveia.

Ela frisou que a sua intenção “é prosseguir com o trabalho de Rômulo”.

Da boca de…

“… O que nós, da iniciativa privada, podemos fazer? Pressão popular. O político vive de votos, tem medo de não ter votos. A sociedade tem agir, seja ir pra rua, seja via rede social, pressionando o seu eleito…” (Márcio Utsch, presidente da Alpargatas).

Atrasadas

Levantamento divulgado pela Abert (Associação Brasileira das Emissoras de Rádio e TV) mostra que 962 emissoras de rádio (AM) ainda não providenciaram a documentação para migração para FM (frequência modulada).

 

Em campo

A Polícia Federal foi às ruas, ontem, mas não era uma nova fase da Operação Lava Jato.

Tratava-se da operação batizada de ´Registro Espúrio´, que visa desarticular uma organização criminosa que fraudava e vendia registro sindical.

Quase

Três deputados ligados ao Ministério do Trabalho estavam entre os alvos, e só não foram presos pela PF devido ao fato de o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, não ter acolhido o pedido da Procuradoria Geral da República.

´Endereço´

O alvo da ação engloba políticos, lobistas e funcionários públicos, e mirou os deputados Jovair Arantes (GO), líder do PTB na Câmara Federal; o presidente do Solidariedade, o deputado Paulinho da Força (SP); e o deputado paraibano e petebista Wilson Filho (PTB).

Retaguarda

De quebra, também está na encrenca o ex-deputado Roberto Jefferson (RJ), presidente nacional do PTB.

´Pedágio´

Conforme relato da PF – que já investiga o caso há mais de 1 ano -, empresários e interessados no registro de sindicatos pagavam propina (de até R$ 4 milhões) para agilizar o processo de registro sindical.

Atribuições
Os políticos envolvidos teriam como principal missão preservar nos cargos estratégicos do Ministério do Trabalho servidores sintonizados com a cobrança ilegal.

Defesa

Através de sua assessoria, Wilson Filho contestou qualquer envolvimento com as denúncias acima e garantiu que não fez indicações políticas para o Ministério do Trabalho.

Repasse

Mas o petebista admitiu que ocupou interinamente a liderança da bancada na Câmara, e que nesse período fez encaminhamentos ao governo de demandas de seus liderados.

Da boca de…

“… Caminhada correta e positiva. Temos, indiscutivelmente, o melhor candidato…” (governador Ricardo Coutinho sobre a pré-candidatura a governador de João Azevedo, PSB).

Votada

O Tribunal de Contas do Estado aprovou ontem, “com ressalvas”, a prestação de contas do exercício de 2017 da Câmara Municipal de Campina Grande.

Profundidade

Presidente da CDL/CG, o empresário Artur Bolinha Almeida sublinhou que “a sociedade brasileira precisa amadurecer na forma de encarar as situações políticas em que o país vive. A questão é que os fatores que verdadeiramente nos levaram a essa situação não são os combustíveis, mas o fato de o país ter uma carga tributária elevadíssima. E isso não é atacado”.

´Barraco no Congresso´

Foi feio o bate-boca, que quase resvalou para uma contenda física, entre os deputados Giacomo (PR-PR) e Alfredo Kaefer (PP-PR) no plenário da Câmara Federal.

“Vai tomar… Eu vou te pegar, vagabundo! Vou mostrar suas notas frias! – bradou Giácomo, enfurecido, na direção do colega.

A razão da confusão foi uma matéria contra Giácomo, publicada num jornal da família de Alfredo no Paraná.

E aí a ´turma do deixa disso´ agiu rápido.

Não esperem decisões do PP/PB antes da pamonha junina...

Me Aguarde

Palanque

Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube