Jornalista há quase 30 anos, escreve a coluna Aparte desde 1991. Já trabalhou em TV, rádio e foi editor chefe do Jornal da Paraíba e colunista das TVs Cabo Branco e Paraíba. É comentarista político das rádios Campina FM, Caturité AM e editor do portal de notícias Paraibaonline.

terça-feira, 14/02/2017

Supremo recado

Lá vem ela

O Ministério da Integração Nacional informou ontem que no último domingo o canal da transposição do Eixo Leste (que vai atender a Campina Grande e região) chegou à cidade de Custódia (PE), tendo percorrido 96,5 km dos 207 km que tem a obra até a cidade de Monteiro.

Em Custódia está a 4ª das seis estações elevatórias.

Volume

No mês de janeiro, o governo estadual registrou a emissão de aproximadamente 22 milhões de notas fiscais eletrônicas.

O detalhe

Aplicada a tributação anunciada pela Secretaria da Receita – de 3 centavos por nota -, teríamos uma arrecadação de R$ 325 mil.

Vai ter sobra

Em audiência recente com dirigentes de entidades representativas do comércio varejista, autoridades estaduais estimaram que o sistema de emissão eletrônica de notas (terceirizado) vai custar cerca de R$ 1,8 milhão por ano.

Nas ruas

Já foi divulgado o edital para a licitação da gestão do Maior São João do Mundo deste ano, em Campina Grande.

Da boca de…

“… A Câmara campinense virou uma porteira larga, que o prefeito faz o que bem quer…” (sindicalista Napoleão Maracajá).

Retaliação

Parlamentares do Partido Progressista ameaçam ´tratorar´ a tramitação da reforma da Previdência Social na Câmara Federal, caso o deputado Aguinaldo Ribeiro (PB) não seja indicado como o novo líder do governo.

De olho

Por sinal, o governo começou a monitorar as opiniões da base governista – sobre a citada reforma -, através das redes sociais.

´Balão´

Presidente do PSB em Campina, o professor Thompson Mariz revelou ontem que o vereador Bruno Faustino (PSB) não atende às ligações e às mensagens da direção partidária, que deseja conversar com ele sobre a criação do ´bloco independente´ no Legislativo.

“Falta diálogo”, lamentou Thompson.

Lembrete

Após enfatizar que “observamos que ele (Bruno) estava se desgarrando”, o dirigente socialista lembrou ao edil o rigor da legislação eleitoral no tocante à infidelidade partidária.

Incorrigível

A Câmara Federal caminha para viabilizar uma anistia financeira aos partidos com débitos pendentes no Tribunal Superior Eleitoral.

Só no ano passado, o TSE aplicou R$ 81 milhões em multas aos partidos.

 

Entre os dois

Deverá recair entre os vereadores Renan Maracajá (PSDC) e João Dantas (PSD) o novo presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara campinense, com chances maiores para o primeiro.

Mais um

Na sua participação hoje na abertura do ano legislativo na Câmara campinense, o prefeito Romero Rodrigues (PSDB) deverá anunciar a intenção de construir um parque nas proximidades do ginásio de esportes ´O Meninão´ (bairro Dinamérica).

Controle remoto

O médico e empresário Dalton Gadelha é o entrevistado de hoje à noite no programa ´Ideia Livre Política & Economia´, que começa às 21h na TV Itararé – canal 18.1 (digital) e 19 (analógico), como também na internet no endereço www.tvitarare.com.br

Auscultação

O deputado (licenciado) Manoel Ludgério (PSD) passa por uma severa bateria de exames, devido a problemas cardíacos que enfrentou nos últimos dias.

Nas telas

“Polícia Federal – A Lei É para Todos” levará aos cinemas a história da Lava Jato, sob a ótica dos policias federais.

O filme deverá estrear em julho.

Sem volta

Já que o assunto é a Lava Jato, o ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal Carlos Ayres Britto disse ontem, na Fundação Getúlio Vargas, que a ação é irreversível, mesmo sob o fogo cruzado que está novamente a enfrentar.

Vale a pena ler trechos de sua fala.

Alerta

“Que ninguém se atreva sozinho ou enturmadamente a estancar o curso do amazônico rio da Justiça. Da justa e jurídica tomada penal de contas dos defraudadores da inegociável honra do país.

“Tranco”

“O Brasil, a partir notadamente do julgamento da ação penal 470 (mensalão), deu um tranco na cultura da impunidade de pessoas postadas nos andares de cima da sociedade e a Lava-Jato segue nesse caminho que é uma postulação republicana, que é de tratar todos com igualdade perante a lei, a começar pela lei penal no caso.

“Patrimônio”

“Eu acho que a Operação Lava Jato se constitui numa espécie de patrimônio da coletividade brasileira no sentido de responsabilizar quem comprovadamente tem culpa no cartório”.

Contra o poder público

Ainda Ayres Britto: “A antieticidade de todo gênero, perpetrada no Estado contra ele, deita raízes do terrível mal do patrimonialismo. Esse ovo da serpente de toda corrupção esquadrilhada ou de colarinho branco. Chave de ignição de desperdício de bens valores e dinheiros públicos”.

RC vai começar quando o diálogo com a família Feliciano sobre 2018?...
Simple Share Buttons