Jornalista há quase 30 anos, escreve a coluna Aparte desde 1991. Já trabalhou em TV, rádio e foi editor chefe do Jornal da Paraíba e colunista das TVs Cabo Branco e Paraíba. É comentarista político das rádios Campina FM, Caturité AM e editor do portal de notícias Paraibaonline.

quarta-feira, 06/07/2016

Sem candidatura própria

Panos quentes

“Eu não tenho nenhum registro a fazer. Eu tenho um profundo respeito ao senador José Maranhão. Acho que ele também me respeita, e que não há disputa pessoal nisso”.

Essa foi a reação do governador Ricardo Coutinho (PSB), ontem, sobre o recente desabafo do senador José Maranhão (PMDB), segundo o qual o seu partido não era “de segunda linha”, diante do remanejamento do ex-secretário de Turismo do Estado, Laplace Guedes.

Sintonia fina

“A arrumação interna do governo quem faz é o governador”, ressalvou Ricardo, para ponderar que “se o governador achar que fulano de tal está num canto e vai render mais em outro, é assim. Isso não é desprestígio, nem demérito para ninguém. É apenas um direito que eu ou qualquer outro deveria ter de ajustar a equipe visando a produção coletiva”.

Trio

As direções do PRP, do PSL e do PRTB em Campina Grande acertaram a coligação na eleição proporcional para este ano.

Socialista

Em termos de candidatura a prefeito, as três legendas vão marchar com o deputado Adriano Galdino (PSB).

É pra já

Diante do restrito leque de alternativas, em termos de coligações, a direção do PT em João Pessoa antecipou para hoje o anúncio do candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Charliton Machado.

Solução caseira

Será uma chapa ´puro sangue´: o candidato a vice deverá ser o empresário (do ramo de combustíveis) Nelson Lira, ex-presidente do Botafogo e filiado ao partido.

No limite

O PSDB em Campina Grande já definiu a data de sua convenção para homologação de candidaturas e de coligações: 5 de agosto (última data permitida pela legislação eleitoral).

Mais uma

Começou a se movimentar ontem na Câmara Federal a CPI do DPVAT (seguro automotivo obrigatório), que tem na relatoria o deputado paraibano Wellington Roberto (PR).

Aferição

O Sindicampina, dirigido pelo empresário Divaildo Bartolomeu, vai divulgar na próxima semana mais uma pesquisa acerca do índice de satisfação dos turistas com relação ao Maior São João do Mundo.

Ponto final

Após o recesso junino, a Câmara campinense retoma hoje as atividades ordinárias.

Cardápio

Os senadores José Maranhão e Cássio, juntamente com o deputado Manoel Júnior (PMDB), teriam uma conversa na noite de ontem, em Brasília, sobre as eleições que estão próximas.

Grana…

Hospitais universitários da região Nordeste receberam reforço de R$ 7,6 milhões do Ministério da Saúde para ampliação e qualificação dos atendimentos prestados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

… Adicional

O HU de João Pessoa (Lauro Wanderley) recebeu R$ 200 mil; o de Campina (Alcides Carneiro) ficou com R$ 382 mil.

Destino

Todas as indicações obliquamente emitidas pela direção do Democratas na Paraíba sinalizam que a legenda vai se coligar com o PSB em Campina Grande.

Deslocamento

Em pleno arraial junino, foi posta novamente em questão a eventual relocalização do Parque do Povo.

O Poder Público municipal chegou até a cogitar duas alternativas: Complexo Aluízio Campos e área próxima ao ginásio ´O Meninão´.

Dilatamento

É importante que não se perca de vista um famoso verso do cantor Amazan: o Parque do Povo chegando à ´Caranguejo´.

Talvez a desapropriação da pequena área que separa o parque das margens do Açude Velho seja o mais viável e econômico caminho para a expansão.

Fala Dilma!

“Temos de estar abertos para qualquer proposta, seja plebiscito, eleições gerais, eleição presidencial. E tem de tentar unificar. O que não é possível é a proposta de eleição indireta que virá.”

Em reunião ontem com juristas.

Sem…

Com folgada maioria (55 a 10), o PT campinense estancou ontem a possibilidade de ter candidatura própria a prefeito nas eleições deste ano.

… Polarização

A corrente majoritária propugnou que a conjuntura política e eleitoral é desfavorável para o PT e que é preciso “a preservação das alianças políticas com os agrupamentos partidários e atores políticos que se posicionaram claramente contra o golpe (afastamento de Dilma), e que não resvalaram para a traição ao próprio governo que integraram”.

Reflorescer

“A conjuntura adversa – segue a Resolução do PT/CG – recomenda evitar o isolamento político e trabalhar possibilidades de táticas eleitorais que favoreçam a reacumulação de nossas forças”.

Limitação

O documento petista sublinha que em Campina, no pleito deste ano, “nos deparamos com um quadro extremamente estreito de possibilidades de alianças eleitorais”, frisando que a legenda não dispõe sequer de um vereador na atual legislatura da Câmara Municipal.

Vaga de vice

A Resolução petista delega ao diretório municipal a missão de encaminhar as definições no tocante à eleição proporcional, na perspectiva de se viabilizar “uma coligação que nos garanta um mínimo de competitividade”.

Há também – não impositivamente – a reivindicação para indicar o vice na chapa de Adriano.

O prefeitável ´Bolinha´ (PPS-CG) saiu de cena...
Simple Share Buttons