Jornalista há quase 30 anos, escreve a coluna Aparte desde 1991. Já trabalhou em TV, rádio e foi editor chefe do Jornal da Paraíba e colunista das TVs Cabo Branco e Paraíba. É comentarista político das rádios Campina FM, Caturité AM e editor do portal de notícias Paraibaonline.

terça-feira, 16/05/2017

Rede mira a toga

Papai Noel existe

O presidente Michel Temer (PMDB) deverá anunciar hoje uma medida provisória (MP) autorizando a renegociação das dívidas dos municípios com o Instituto Nacional do Seguro Social – o INSS.

Temer comunicará o ´mimo´ em reunião na Confederação Nacional dos Municípios (CNM), batizada de ´Marcha dos Prefeitos´.

A perder…

Coisa de pai pra filho, ao que se informa. Tipo parcelamento em até 200 vezes, com 25% de desconto em multas e encargos, e abatimento de 80% dos juros.

… De vista

Para aderir ao novo refinanciamento, as prefeituras terão que dar uma entrada de 3% do saldo devedor.

Valsa

A entrada, ao que tudo indica, também será dividida sem seis parcelas.

Passivo

Dados da Confederação Nacional dos Municípios estimam que apenas as prefeituras de cidades com mais de 80 mil habitantes devem ao INSS aproximadamente R$ 100 bilhões. Cerca de 4 mil municipalidades são devedoras da Previdência Social.

Depuração

De acordo com o deputado Anísio Maia (um dos eleitos para presidir o PT/PB), “no PT não cabe quem serve a dois partidos. Devemos formular nosso próprio projeto partidário, e quem estiver em nossas hostes a serviço de outros projetos deve procurar outro lugar”.

Recaída

Anísio pontuou o caso de Campina Grande: “Quem vai presidir o partido é alguém que ocupava um cargo de confiança do PSDB. Pessoalmente, não tenho nada contra o professor (Márcio) Caniello. Mas que confiança nós temos de que não irá conduzir o partido para Romero Rodrigues novamente?” – indagou na ´Correio FM´.

´Bota fora´

O deputado permanece com a intenção de expulsar Caniello das hostes partidárias, mesmo ressalvando que “não haverá uma decisão individual do presidente. Com certeza, medidas serão tomadas a partir das instâncias partidárias e de acordo com o nosso estatuto.”

Tilintar

No ano passado, os sindicatos de trabalhadores receberam R$ 1 bilhão 970 milhões do imposto sindical obrigatório – que é extinto na proposta de reforma trabalhista que foi aprovada na Câmara Federal.

Empregadores

No mesmo período, os sindicatos patronais embolsaram R$ 777 milhões e 400 mil.

Na tela

O secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão do Estado, Waldson Souza, é o entrevistado de hoje no programa ´Ideia Livre Política & Economia´, que começa às 22h15 na TV Itararé – canal 18.1 (digital) e 19 (analógico), e pelo endereço eletrônico www.tvitarare.com.br

Aprofundamento

Waldson trata sobre o impasse relacionado à Universidade Estadual da Paraíba.

Pautar

Já que estagnou o impasse acerca da UEPB, é preciso que o Poder Judiciário da Paraíba julgue a ação que foi protocolada pela UEPB dias atrás. O prejuízo imposto ao alunado não pode ser indefinido.

Da boca de…

“… Nas políticas de alianças é preciso saber até onde vão estas alianças…” (José Pepe Mujica, ex-presidente do Uruguai).

Designação

O padre Adeildo da Silva Ferreira foi anunciado ontem como o novo superintendente da Rádio Caturité, sucedendo a Dom Manoel Delson, ex-bispo da diocese campinense que assume esta semana a Arquidiocese da Paraíba.

Outra face

O novo superintendente ressaltou que tinha uma “relação” com a rádio desde que era seminarista, acrescentando que a emissora “tem sido uma segunda parte do meu ministério sacerdotal”.

Audiência

Por falar em Dom Delson, ele teve uma prolongada conversa com o senador Cássio Cunha Lima, presidente em exercício do Senado, no final de semana, em Campina.

Venda

O BNDES passa a coordenar alguns estudos e procedimentos para que os governos estaduais repassem as participações que possuem em empresas estaduais de distribuição de gás natural.

Lote inicial

No grupo pioneiro dessa movimentação se encontra a PB Gás, empresa na qual o Governo da Paraíba tem 51% de seu capital social – a Gaspetro (associação da Petrobras com a empresa japonesa Mitsui possui 24,5%) e a Mitsui separadamente tem outros 24,5%.

Dupla…

Essa ação no setor de gás tem por finalidade oxigenar os caixas estaduais e também ampliar o alcance do produto, considerado uma fonte barata e pouco poluente de energia.

… Finalidade

Atualmente, apenas 440 das 5.570 cidades brasileiras são servidas, em alguma proporção, por gás natural.

O produto só chega a 3 milhões das 68 milhões de residências existentes no País.

Fora da curva

Enquanto em outros países desenvolvidos o gás natural representa 25% da matriz energética, no Brasil só chega a 10%, conforme o jornal O Globo.

A dúvida

Resta saber se a Gaspetro e a Mitsui terão prioridade para a compra dessas empresas estaduais de gás.

Apoio…

Ex-candidata a prefeita de João Pessoa pelo PSB, Cida Ramos externou ontem o seu aval ao nome do secretário de Infraestrutura do Estado, João Azevedo, para concorrer ao governo estadual em 2018.

… Explícito

“Ele conhece esse governo por dentro. É um dos nomes que eu gostaria muito que estivesse na disputa em 2018”, sublinhou a socialista.

Palanque ´ficha limpa´

Na estrada para ter cadeira cativa nas disputas para a Presidência da República, a ex-ministra Marina Silva (Rede de Sustentabilidade) corteja dois ex-presidentes do Supremo Tribunal Federal para o seu partido e, quem sabe, para a sua chapa: Joaquim Barbosa e Carlos Ayres Britto.

“Seria muito bom se eles se envolvessem na política. Quanto mais gente do bem e menos bandido na política, melhor. É melhor Joaquim Barbosa do que Cunha. É melhor Deltan (Dallagnol, procurador da Lava Jato em Curitiba) do que a turma do PMDB”, justificou o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

O Estado se prepara para a ´batalha judicial´ com a UEPB...
Simple Share Buttons