Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

terça-feira, 17/07/2018

Prefeito corteja apoios

Com o empresariado

No ciclo de debates que a Associação Comercial de Campina Grande promove com os pré-candidatos ao governo estadual, no dia de ontem foi a vez de Lucélio Cartaxo (PV).

 

Lacuna

O prefeito Romero Rodrigues (PSDB) compareceu e fez uma saudação de acolhida.

Ele disse que a cidade “se ressente de um grande investimentos da administração estadual”.

Sem harmonia

RR renovou o registro da “falta de parcerias” com o Estado.

“Poderia ser uma relação harmônica, com a cidade recolhendo esses frutos”, pontuou.

Nova rota

Ao se dirigir a Lucélio, Romero afirmou que “com você, eleito governador, nós vamos redirecionar esse mapa de desenvolvimento”,

Epílogo

Anfitrião do evento, o empresário Marcos Procópio, presidente da Comercial de Campina Grande, disse ao pré-candidato que algumas leis importantes para o empresariado regional estão em vias de perder a validade, a exemplo dos incentivos dados pela Sudene (cuja vigência vai até dezembro próximo), que afetará particularmente o setor industrial.

Mais à frente

Procópio também citou que para 2025 está previsto o fim de todos os incentivos fiscais no País, do ponto de vista de sua concessão.

Sem margem

O dirigente da ACCG fez referência à recente mudança na legislação federal no que diz respeito ao ISS (Imposto Sobre Serviços), cobrado pelas prefeituras, que passaram a ficar proibidas de conceder incentivos fiscais além da alíquota de 2%.

Transbordou

Marcos Procópio mencionou o que chamou de alta carga tributária na Paraíba.

“Não há mais espaço para expandir. Chegou no limite do tolerável”, assinalou.

Ordem do dia

Em sua intervenção, o empresário Alexandre Moura, dirigente da Federação das Associações Comerciais do Estado, abordou a questão da segurança pública e observou que “a segurança não pode ser tratada como se estivéssemos no século vinte”.

Comando

Ele se reportou ao que chamou de desvirtuamentos funcionais, citando o caso da condução da Cinep.

Figurativamente, disse que “não dá para colocar cozinheiro para pilotar avião”.

Sem atrativos

Ao discorrer sobre as dificuldades para atração de novos investimentos para o Estado, Moura acentuou que “o nosso ambiente para a atração de novos negócios é o mais danoso possível”.

Minoria

O empresário Álvaro Barros, ex-presidente da Associação Comercial de Campina, mostrou dados oficiais que indicam que apenas 42% dos contribuintes estaduais estão ativos (cerca de 107 mil), e que desse universo apenas 6,77% são contribuintes normais, que respondem por mais de 90% da receita do Estado com ICMS.

O detalhe

Mais de 60% das empresas existentes na Paraíba são MEI (microempreendedor individual).

Dizimação

O advogado Jurandir Eufrauzino, que atua no segmento do direito tributário, disse aos presentes que “a Paraíba assassinou dezenas de milhares de empresas”, e que está aqui no Estado, proporcionalmente, a maior dívida ativa atualmente existente no País” com ICMS.

Dupla…

Ele criticou o fato de contribuintes em atraso sofrerem a cobrança propriamente dita e mais ações penais, que são movidas com a ajuda do Ministério Público.

… Penalização

“É o MP funcionando como agente fiscal, com toga e remunerado”, realçou.

Sabedor

Em sua intervenção, Lucélio citou que “tenho uma relação de respeito muito forte com o setor comercial. Sei da importância e das dificuldades de se manter um comércio nos dias de hoje”.

O que move

O pré-candidato salientou que “confiança é uma palavra-chave no comércio”, e que “gosto de trabalhar muito, sem olhar para o relógio”.

Urgente

Lucélio ressaltou que “não existe comércio forte sem segurança pública”, e prometeu uma ação imediata no setor, caso seja eleito em outubro próximo.

Comodidade

No tocante à atual carga tributária, o pré-candidato do PV disse que o atual governo, “quando precisa aumentar a arrecadação, busca sempre o caminho mais fácil, que é ir no bolso do consumidor aumentando os impostos”.

Inviável

“O desenvolvimento do Estado não pode se limitar às iniciativas do poder púbico”, ponderou o postulante aos empresários.

Delegação

Ele prometeu que, se eleito, caberá ao setor produtivo indicar o titular da Pasta de Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico.

Conclamação

Ao se referir especificamente a Campina Grande, Lucélio Cartaxo declarou que “quero cumplicidade para fazer uma Campina maior, porque quando esta cidade cresce a Paraíba vai no mesmo caminho”.

´Conspirando´

Em entrevista ontem à ´Arapuan FM´, a vice-governadora (e pré-candidata ao governo) Lígia Feliciano (PDT) afirmou que “quero dar continuidade ao meu trabalho no governo. A política mudou. Quem elege não são os partidos, são as pessoas. Eu acredito no novo, numa política diferente. O universo conspira a favor daqueles que trabalham”.

Endereço certo

Noutro momento, Lígia fez uso da ´tesoura cirúrgica´: “Pode ser que eu não tenha nenhum coronel acima de mim, mas eu tenho o que é de valor, que é o povo. Eu sonho cuidar dessa Paraíba”.

Marcada

A direção estadual do PDT marcou para o dia 5 de agosto (último dia do prazo legal) a convenção para homologar candidaturas e coligações.

No ninho

Sem muito alarde, o deputado Tovar Coreia Lima sucedeu ao também deputado Pedro Cunha Lima no comando do PSDB em Campina Grande.

Na superfície

O adágio popular proclama que quem está vivo sempre aparece. E ontem o deputado/padre Luiz Couto (PT) reapareceu para verbalizar algo que todos os seus ´coroinhas´ já sabiam.

O que conta

“A prioridade é Lula. Se o governador Ricardo Coutinho apoiar a candidatura de Lula, tudo estará resolvido”, asseverou o petista.

Simples assim

Dito de outro jeito: é só declarar apoio a Lula e o PT fecha os olhos para quem vai estar na coligação governista na Paraíba.

Garimpando

No final de semana, coube a Romero Rodrigues executar três rodadas de conversações acerca de apoios para a chapa PV/PSDB.

Ele esteve com o deputado Renato Gadelha e com o ex-deputado Leonardo Gadelha (ambos do PSC), bem como com o vice-prefeito Enivaldo Ribeiro (PP).

Setores do PSC não digeriram bem o ´pouso´ de Manoel Júnior na festa tucana de sábado...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube