Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

quinta-feira, 22/11/2018

Pauta comum

´Blitz´ campinense

Várias entidades representativas da sociedade campinense (citadas mais à frente) desencadearam uma mobilização para tentar alavancar a movimentação do Aeroporto João Suassuna, em face do imobilismo e/ou desinteresse da classe política.

A intenção é evitar, num primeiro momento, que a cidade tenha subtraído o voo vespertino da empresa aérea Gol, que faz a interligação com o Rio de Janeiro.

Trata-se de uma decisão já anunciada há algumas semanas pela empresa.

Incrementar

No pleito dirigido à Gol, que será em breve reforçado direta e pessoalmente junto à direção comercial da empresa, é solicitada a manutenção do voo – que tem um índice de ocupação médio superior a 70% da aeronave -, como também a inclusão de voos extras no período de junho (quando realizado o Maior São João do Mundo), julho, dezembro e janeiro, meses considerados de alta demanda.

Outra…

O contato com a direção da empresa aérea Azul é no sentido da continuidade dos voos extras já programados para o mês de dezembro, para que se convertam em regulares, somando-se ao voo já existente.

… Batalha

“Os voos atuais já não atendem a demanda da cidade, que hoje tem mais de 410 mil habitantes, e que somados às populações de cidades vizinhas, que dependem de forma direta do comércio e dos serviços públicos e privados locais, saltam para aproximadamente 1 milhão de pessoas. Nossa sugestão é que além do voo da tarde, já consolidado, a Azul pudesse incluir um voo matinal”, argumenta a correspondência remetida.

Cara a cara

Também nesse caso deverá ocorrer um contato presencial com a direção da Azul, algo que se estenderá à empresa Avianca.

´Mutirão´

Estão solidários e aglutinados nessa mobilização o SindCampina (Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação de Campina Grande e Interior da Paraíba), Abrasel – Associação Brasileira de Bares e Restaurantes/Regional Agreste; Convention & Visitors Bureau – Campina Grande e Região; Associação Comercial e Empresarial; CDL – Câmara de Dirigentes lojistas; e FIEP – Federação das Indústrias do Estado da Paraíba.

Vem aí

Está em fase elaboração uma biografia de Dom Manoel Pereira da Costa, natural da cidade de Pocinhos e um dos primeiros bispos da Diocese de Campina Grande.

Demanda

O Procon de Campina Grande lançou edital para a contratação de empresa visando o fornecimento de serviços de comunicação de dados.

Homenagem

Dia 8 próximo, será entregue à comunidade acadêmica da UFCG no campus I (Campina Grande) o busto do professor Linaldo Cavalcanti, um benfeitor da instituição e certamente um dos principais responsáveis pelo porte e pujança que a UFCG tem nos dias atuais.

Apelo

O economista Arlindo Almeida sugeriu à Reitoria da UFCG que o campus campinense tenha também o nome do professor Linaldo.

Da boca de…

“… Não dá mais para abaixar a cabeça nem se esconder. Eu sou uma pessoa que tenho convicção das coisas que acredito, mas jamais me escondo. Quero que meu eleitor tenha identidade com aquilo que eu defendo…” (deputado federal reeleito Efraim Filho, do Democratas).

Quinhão

Por falar no DEM, a legenda já emplacou três ministros no futuro governo Bolsonaro.

Comodidade

Renato Morais, gerente executivo substituto do INSS em Campina Grande, ressaltou ontem, durante entrevista à Rádio Caturité FM (104.1), que 30% dos benefícios por idade concedidos pelo INSS podem ser obtidos em tempo recorde e sem que seja necessário a pessoa sair de casa.

Atração

A cúpula do PSL (partido de Jair Bolsonaro) informou ontem que oito deputados federais eleitos por outros partidos já sinalizam a incorporação à legenda, que dessa maneira passaria a ser a maior bancada da próxima legislatura.

CCJ

A intenção da legenda é presidir a principal comissão da Câmara Federal no ano que vem – a de Constituição e Justiça.

O detalhe

Nas urnas, o PSL elegeu 52 deputados federais (49 deles novatos), enquanto o PT elegeu 57.

Fila

O prontuário da Polícia Federal informou que o ex-presidente Lula já recebeu (em seus seis meses de prisão) 572 visitas.

Espelho meu

A história de um desses visitantes foi contada dias atrás pelo jornal O Estado de São Paulo.

Trata-se de Eliseu Clemente, 40 anos, que secretamente comparece duas vezes por mês para cortar o cabelo e aparar a barba do ex-presidente.

Discreto

A prestação do serviço externo era tão confidencial que nem a esposa do profissional sabia o motivo pelo qual ele periodicamente fechava as portas do seu salão em Curitiba (PR) e desaparecia por algumas horas.

Rabiscos

O barbeiro declarou ao jornal ter ficado impressionado com a quantidade de folhas manuscritas que o petista guarda.

Solidário

“Fico até com pena dele. É uma pessoa de idade, alguém que, querendo ou não, governou o País e ajudou muitas pessoas e está em uma situação daquela. É um ser humano, né?”, comentou Eliseu.

´Todos por um´

Na reunião ocorrida ontem em Brasília, os governadores eleitos e/ou reeleitos no Nordeste formataram uma pauta comum a ser encaminhada ao presidente Jair Bolsonaro, dia 12 próximo.

Principais pontos: celebração de um pacto nacional pela segurança pública; desbloqueio das operações de créditos para os Estados; ampliação da participação financeira da União no Fundeb; a continuidade do programa Mais Médicos; e o reequilíbrio do pacto federativo.

 

´Esqueçam o que eu disse´ – poderia ser o slogan genérico na eleição da OAB...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube