Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

sábado, 19/10/2019

Outra licença na ALPB

A nova ´dona do pedaço´

A reportagem de capa da última edição da IstoÉ destaca a nova ´eminência´ no PT: a socióloga Rosângela da Silva, a ´Janja´, noiva de Lula.

“Na Polícia Federal de Curitiba, ela dispõe de passe-livre. No PT, ´Janja´ está mais do que à vontade. Ela é a nova mandachuva do partido. Com o aval do ex-presidente petista, com quem deve se casar em breve, a socióloga distribui ordens, enquadra dirigentes partidários, dá orientações a Fernando Haddad e Gleisi Hoffmann, presidente da legenda, e até faz as vezes de tesoureira informal, ao se ocupar de questões de natureza financeira”, relata a matéria.

Voz…

Na condição de porta-voz do ex-presidente, a socióloga foi quem transmitiu aos correligionários que o futuro marido não admitiria a progressão da pena para o regime semiaberto.

… Credenciada

“O presidente não quer deixar a cadeia com tornozeleira eletrônica: isso ele não admite de forma alguma”, avisou ela.

“A liberdade não virá assinada pelos que fraudaram a Justiça”, reforçou.

Freio

Conforme a revista, o ex-senador Lindberg Farias (PT-RJ) “se curva aos desígnios de Rosângela da Silva. Em meio ao evento dos 500 dias da prisão de Lula, houve um entrevero entre os dois. Lindbergh queria ser um dos que subiriam ao palco para proferir um discurso. Ela não autorizou e ele não falou.

Controle

Ainda segundo ´IstoÉ´, desde que Lula e ´Janja´ assumiram o noivado, ela passou a controlar até mesmo sua alimentação. Não deixa mais o petista se servir da comida da cadeia, embora seja de excelente qualidade – trata-se do mesmo cardápio dos delegados da Superintendência da PF.

O detalhe

A comida vem de um restaurante Curitibano – Empório Zambrano.

Drible

Levantamento feito pelo Tribunal de Contas da União constatou que no ano passado (Governo Temer) pelo menos dois ministérios ´driblaram´ o Orçamento e a Lei de Responsabilidade Fiscal e gastado R$ 1 bilhão e 278 milhões em despesas sem que houvesse autorização.

O detalhe

São os ministérios do Desenvolvimento Social e da Ciência e Tecnologia.

Memória

O jornal O Estado de São Paulo, ao mencionar esta semana a prisão do ex-secretário executivo de Turismo da Paraíba, Ivan Burity, na fase 5 da Operação Calvário, relembrou o seu passado como parlamentar.

Collorido

“Político de longa data, Ivan já foi deputado federal nos anos 90 e ficou marcado por ser o único que votou contra a abertura de processo de impeachment do então presidente Fernando Collor, além de tê-lo acompanhado na saída do Palácio do Planalto após a renúncia, em 1992”, recordou o jornal.

Homenagem

Terça-feira próxima, às 18h, no auditório da FIEP, haverá uma sessão especial do Legislativo campinense para a entrega de uma Medalha comemorativa dos 70 anos de existência da instituição, que transcorre em 2019.

Da boca de…

“… As universidades públicas divulgam muito mal o seu trabalho…” (João Carlos Salles Pires da Silva, reitor da Universidade Federal da Bahia, esta semana, em audiência pública na Câmara Federal).

Elastecimento

Em entrevista recente ao jornal Folha de São Paulo, a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, defendeu que o Congresso Nacional amplie para 1 ano a licença maternidade remunerada.

Vanguarda

O mesmo jornal também publicou reportagem (de página inteira) sobre a Abrace Esperança, entidade paraibana (com sede em João Pessoa e que abrirá uma ´filial´ em Campina Grande) que é a única no País que tem autorização judicial para o cultivo da maconha para fins medicinais.

A meta é atender até 10 mil pacientes em 2022.

O príncipe

“Cada político tem que perceber que mandato é um produto perecível, com data para começar e acabar”.

Fernando Henrique Cardoso, em recente entrevista.

No leme

Ex-candidato a governador nas eleições passadas, e atual chefe de gabinete da Prefeitura de João Pessoa, Lucélio Cartaxo assumiu a presidência do Partido Verde na Capital.

Da boca de…

“…Campina precisa de renovação, e meu nome está sim à disposição para poder mudar isso que vem sendo feito em Campina Grande…” (prefeitável Ana Cláudia Vital do Rêgo, do Podemos).

Sábado é dia de poesia

“Corra não pare, não pense demais/ Repare essas velas no cais/ Que a vida é cigana/ É caravana/ É pedra de gelo ao sol/ Degelou teus olhos tão sós/ Num mar de água clara” (Geraldo Azevedo, que se apresentou há poucos dias em Campina Grande).

Equipe

O prefeito Romero Rodrigues (PSD) reuniu, ontem, outra vez, o seu secretariado.

Novidade

Em entrevista à TV Itararé, na noite de ontem, Romero disse que provavelmente um deputado estadual integrará a sua equipe.

Mas não citou nomes.

Secretariado

RR, na mesma entrevista, disse que Diogo Lyra deverá ser efetivado na Secretaria de Administração da PMCG, e que chama-se ´Ricardo´ o auditor da Controladoria Geral da União que deverá assumir em breve a recém criada Controladoria Geral do Município.

Ao que tudo indica, Tovar Correia Lima será novamente secretário da PMCG, em breve.

Vai ter ´faxina´ no PSL da Paraíba?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube