Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

segunda-feira, 24/09/2018

Outra ´incontinência verbal´

Diagnóstico bem atual

Eis alguns trechos da reflexão do professor de Teoria Política da Unesp (SP), Marco Aurélio Nogueira, em recente artigo publicado no jornal O Estado de São Paulo, acerca da sucessão presidencial.

“O modo como avançou a disputa não sugere que o próximo ciclo será produtivo. As campanhas deseducam a população. Eleitores petistas estão sendo induzidos a acreditar que do céu cairá uma chuva de fartura e facilidades. Os de Bolsonaro acham que ele acabará com a bandidagem e a corrupção. Uns e outros estão cansados e parecem querer ver o circo pegar fogo.

Estopim

“Normaliza-se o que deveria ser visto como risco. A vitória de Bolsonaro ou de uma nova versão do lulismo deixará o País numa situação ruim. A ponte que liga esses dois cenários chama-se ingovernabilidade, alimentada por uma dinâmica de vetos cruzados permanentes, radicalizações e confusão social”.

Na fronteira

Ainda o professor: “Cada época tem seus limites. Os nossos, no Brasil de 2018, se resumem a poucas palavras: a sociedade abandonou os políticos à própria sorte e os políticos, sem apoio social e sem partidos dignos do nome, perderam as referências e não sabem mais o que fazer”.

Articulador

Credite-se ao deputado federal Hugo Motta (PRB) a articulação para que o ex-senador Ney Suassuna (PRB) reatasse o relacionamento político com o deputado Veneziano Vital do Rêgo (PSB) e se convertesse em seu 1º suplente.

Titular

Ao que se informa, os olhos de Ney ´brilharam´ para a hipótese de retomar a atividade política quando o ´V´ levantou a possibilidade de – mesmo eleito este ano – disputar a prefeitura campinense em 2020.

Expansão

Os grupos varejistas Magazine Luíza, Carrefour e Via Varejo estão investindo pesadamente em aplicativos para a prestação de serviços financeiros. Vão abrir (por conseguinte) uma concorrência direta com os bancos.

Palanque

“Ainda há tanto a se fazer por esse Estado, por isso não podemos regredir nem ficar na mesmice. Quem já teve a oportunidade de fazer e não fez, não pode chegar agora se colocando como novidade; e quem está no governo e também não conseguiu resolver problemas históricos da Paraíba como saúde, educação e segurança, tem que sair pra dar oportunidade para outras pessoas fazerem o que eles não conseguiram”.

Prefeito Luciano Cartaxo (PV-JP), durante evento de campanha no final de semana.

Discreto

Para surpresa de muitos, o ministro Vital do Rêgo Filho (do Tribunal de Contas da União), que está de férias na Paraíba, tem se locomovido em Campina Grande com um automóvel Gol de um modelo anterior ao atual.

Estacionados

Dados do IBGE mostram que existem 8 milhões e 900 mil jovens (39% da população dessa faixa etária) que concluíram o ensino médio, mas não ingressaram no nível superior.

´Foguete´

A empresa alemã Thyssenkrupp está anunciando a instalação em São Paulo de elevadores – para grandes edifícios – com velocidade de 7 metros por segundo.

Palanque

“O nosso País está sendo derrotado por uma corrupção sistêmica e institucional, que utiliza mecanismos espúrios de uso do dinheiro público. O mesmo dinheiro que falta para Saúde, Educação, Segurança e moradia. Essa corrupção é inaceitável”.

Marina Silva (Rede), durante debate com os presidenciáveis promovido pela CNBB (Conferência dos Bispos).

A caminho

O presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) colocou a Paraíba na sua rota de visitas para os últimos dias da campanha.

Da boca de…

“… Se esse governo (Ricardo Coutinho) continuar, a UEPB vai fechar. Precisamos proteger Campina contra a perseguição…” (prefeito Romero Rodrigues, ontem, em evento do PSC na cidade).

Em Campina

Será na tarde de hoje (13h30) o evento no qual a Federação das Industrias da Paraíba vai reunir e debater com os candidatos a governador propostas para o setor produtivo do Estado.

No Sertão

À noite, haverá um debate com os candidatos ao governo na cidade de Cajazeiras, promovido pela TV Diário do Sertão.

Palanque

“Sou candidato para servir a Paraíba e aos paraibanos, e não para cumprir ordens de ninguém. Eles fizeram uma panelinha, mas o povo vai quebrar essa panelinha no dia da eleição. O povo quer alguém que já mostrou seu trabalho e seu respeito”.

Candidato a governador José Maranhão (MDB), em visita ao Sertão no final de semana.

Episcopado

Conforme o ´Estadão´, a maioria dos integrantes da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, a CNBB, apoia o tucano Geraldo Alckmin nas eleições.

A segunda colocada na preferência dos bispos seria Marina Silva.

Vítima de um ´fdp´

O mesmo jornal noticiou que Ciro Gomes (PDT), após fazer uma caminhada pelo centro de Goiânia (GO), foi surpreendido por um apoiador de Jair Bolsonaro que tentou subir num caminhão de som do partido com uma camisa com o número 17 (referente ao PSL).

Reação de Ciro: “Tenham paciência com ele, ele não é culpado de nada. Ele só é vítima desse nazista, fi… da pu..”.

Opositores miram candidato a senador da chapa de Lucélio...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube