Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

segunda-feira, 12/11/2018

Outra dose de ´Cirocídio´

´Andar de baixo´

A Associação dos Técnicos, Auxiliares e Analistas Judiciários da Paraíba divulgou uma nota repudiando o aumento salarial de 16,30% para os ministros do Supremo Tribunal Federal.

Conforme a entidade, só na Paraíba esse reajuste terá um impacto de R$ 25 milhões por ano nos cofres públicos.

No Brasil, deve passar de R$ 6 bilhões.

Dois pesos…

“Na Paraíba, o presidente do TJPB (desembargador Joás de Brito Pereira Filho) nega 3% de data-base aos servidores e dá gestos concretos que vai pagar o aumento para seus colegas magistrados na ordem de 16,30%”, assina o documento.

Da boca de…

“.. Jair Bolsonaro está eleito, é o presidente. Vai tomar posse para representar a coletividade toda. Claro que haverá oposição, democracia vive de oposição. Democracia é o governo das maiorias, respeitados os direitos das minorias…” (Carlos Ayres de Britto, ex-presidente do Supremo Tribunal Federal).

´Pode Arnaldo?´

No terceiro trimestre deste ano, os quatro maiores bancos brasileiros – Brasil, Itaú, Bradesco e Santander – tiveram um lucro de R$ 18 bilhões e 400 milhões.

Céu de brigadeiro

A empresa área Azul divulgou as suas projeções para 2019: ampliação de 18% das ofertas de voos, mediante a compra de 15 novas aeronaves.

É uma aposta no reaquecimento da economia nacional.

Desobrigados

Decisão recente do Superior Tribunal de Justiça fixou que os planos de saúde não são obrigados a fornecer medicamentos não registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

SUS

O assunto também é objeto de ações no Supremo Tribunal, no que diz respeito aos pacientes do Sistema Único de Saúde, cuja apreciação ainda não foi concluída.

Condicionada

Nos votos já dados (3), o ministro Marco Aurélio de Melo (relator) entendeu que o poder público pode fornecer a medicação, desde que comprovada a sua indispensabilidade para a manutenção da saúde do paciente.

Incabível

O ministro Luís Roberto Barroso votou pela impossibilidade de o Judiciário obrigar o poder público a custear medicamentos não registrados.

Caso a caso

Já o ministro Edson Fachin votou pela concessão do fornecimento em “casos excepcionais”.

Vem aí

Mudança à vista no secretariado do prefeito campinense Romero Rodrigues (PSDB-CG).

Uma das alterações especuladas é a de Félix Neto, da superintendência da STTP para a chefia de gabinete do prefeito.

´Astro rei´

As montadoras sul-coreanas Hyundai e Kia anunciaram a introdução de painéis de geração de energia solar em seus veículos (no teto e no capô), como forma de redução do consumo do combustível convencional.

As primeiras versões chegaram ao mercado no próximo ano.

Garimpo

“Eu não vou falar aquilo que penso, mas acho que nos próximos 8 anos o senhor vai ficar no nosso governo. E, depois, no outros 8 anos, tenho a impressão, não sou político, mas a sua escolha do juiz Sergio Moro (para o Ministério da Justiça)… Acho que você pode ficar 8 anos, depois passando para Moro ele pode ficar mais 8. Então, o Brasil terá 16 anos de homens com vontade de fazer o Brasil caminhar”.

Silvio Santos, na noite de sábado, no SBT.

O valor…

O jornal Valor Econômico (SP) divulgou o ´ranking de marcas´ no futebol brasileiro, que leva em consideração torcida, mercado e receita.

… Das paixões

No 1º posto está o Flamengo, cuja marca foi estimada em R$ 1 bilhão 950 milhões.

Na 2ª posição o Corinthians, que vale R$ 1 bilhão 741 milhões.

Sequência

A 3ª colocação é do Palmeiras: R$ 1 bilhão 529 milhões. Na 4ª posição vem o São Paulo, cuja marca vale R$ 1 bilhão 197 milhões.

Ao seu estilo

Foi novamente contundente, como é próprio do seu perfil, a entrevista dada no final de semana, ao canal de notícias Globonews, pelo ex-ministro e ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT).

Leia algumas de suas declarações.

Nocivo

“O PT tem feito um mal muito grande ao Brasil. Não digo que seja voluntário. Eles não conseguem conviver com a realidade e estão subordinando o interesse nacional, a história do Brasil, o destino do nosso povo a um conjunto de fraudes; um conjunto de escolhas absolutamente assustadoras.

Incoerência

“Nós fomos todos à rua denunciar o impeachment (de Dilma Rousseff), e no dia seguinte os petistas estavam se confraternizando com os autores do golpe, a exemplo do senador Renan Calheiros (MDB-AL).

Pagou pra ver

“O PT produziu o Bolsonaro. Até as pedras sabiam que o Lula não poderia ser candidato, porque a Lei da Ficha Limpa, colocada em vigor pelo Lula, é muito clara.

Transbordou

“O que Lula tem feito ao Brasil é um preço que o País não aguenta mais pagar.

Sem extremismo

“Em nenhuma circunstância a minha voz vai se somar ao ´quanto pior melhor´, que uma certa fração da oposição se acostumou. Estamos no mesmo avião e o piloto escolhido pelo povo é o Bolsonaro.

Insensato

“Não dá para chamar 68% da população brasileira de fascista. Eu me recuso a isso terminantemente.

Teste de fogo

“Na economia, ou o presidente eleito acerta logo na entrada, ou em seis meses já estará sendo cobrado de uma forma muito azeda”.

“De burro, não tem nada”

Ainda Ciro Gomes: “De burro, Bolsonaro não tem nada (…) Mas a estrutura brasileira vai engolir o Bolsonaro. E nesse sentido eu nem gosto dessa notícia, porque ele é uma energia na direção de mudar. E essa é uma energia que eu cultivo. Não mais para o Brasil continuar como está (…) Temos um presidente eleito, que no dia seguinte ao da posse parte da oposição já quer destruir”.

O deputado Buba Germano tem um ´padrinho´ forte...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube