Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

terça-feira, 09/06/2020

O ´presságio´ Moro

Fim do silêncio

Na volta às atividades rotineiras, ontem, após um período de quarentena, afinal o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, se posicionou de forma mais afirmativa acerca da Presidência da República, algo que era objeto de cobrança de outros integrantes da corte, dos demais poderes e de outros segmentos da opinião pública.

“Não é mais possível atitudes dúbias. Eu tenho certeza que o presidente Jair Bolsonaro, em todo o relacionamento harmonioso que tenho com sua excelência, como tenho com seu governo e com o vice-presidente Hamilton Mourão, eles juraram defender a Constituição e são democratas, chegaram ao poder pela democracia e pelo voto popular, merecem o nosso respeito. Mas algumas atitudes têm trazido uma certa dubiedade, e essa dubiedade impressiona e assusta a sociedade brasileira. E hoje não mais só a sociedade, também a comunidade internacional das nações, também a economia internacional – discorreu Toffoli em evento virtual promovido pela Associação dos Magistrados do Brasil (AMB).

Ordem do dia

O presidente do Supremo acrescentou: “Nós precisamos de paz institucional, nós precisamos de prudência, precisamos de união no combate à Covid e aos seus efeitos colaterais”.

Coesão

O deputado estadual e prefeitável Inácio Falcão (PCdoB) reiterou, ontem, que o bom senso recomenda apenas uma candidatura a prefeito de Campina Grande no âmbito das oposições, apesar de não colocar essa tese como algo radical.

Máxima

Inácio justificou, em entrevista à Rádio Caturité FM (104.1): “Não existe prosperidade em meio à divisão”.

Vão-se os anéis

Levantamento feito pelo jornal O Globo mostra que o governo Bolsonaro já entregou mais de 300 cargos aos políticos ao grupo congressual chamado de Centrão em troca de apoio.

Ideia livre

O secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão do Estado, Gilmar Martins, é o entrevistado da noite de hoje na TV Itararé (22h), canal 18.1 ou pela internet: www.tvitarare.com.br

O detalhe

Participam do programa, como debatedores, o presidente da Associação Comercial de Campina Grande, Marcos Procópio, e a economista e professora Laudicéia Araújo (IFPB).

Alicate

Um estudo da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), repercutido no jornal Folha de São Paulo, mostra que 47% das empresas do setor tiveram que suspender contratos ou reduzir o salário de seus funcionários para atravessar a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus.

Marcha à ré

Pesou bastante nesse diagnóstico a retração das exportações, que no caso da indústria automobilística foi pra lá de acentuada.

Para alguns países da América do Sul, as vendas de veículos caíram até 91% em maio.

Corte

O governo estadual informou que começa a aplicar este mês a decisão do Supremo Tribunal Federal – de outubro 2018 -, que considera indevido o pagamento de pensão a ex-governadores ou ex-primeiras damas – R$ 23.500,82 mensais.

Contestação

A Assembleia Legislativa, através de sua Procuradoria Jurídica, havia interposto recurso contra a decisão do STF, mas foi indeferido pelo ministro decano (mais antigo) Celso de Mello.

Fundamento

“Aquele que não esteja titularizando cargo eletivo de Governador do Estado, extinto que tenha sido o mandato, não pode receber do povo pagamento por trabalho que já não presta”, enfatizou o ministro.

Vem aí

O ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou para breve a criação de um novo programa de transferência de renda.

Compilação

O programa Bolsa Família custa aproximadamente R$ 30 bilhões por ano ao governo federal.

O desembolso com o auxílio emergencial está estimado entre R$ 45 bilhões e R$ 50 bilhões por mês.

Cabe botar o dedo?

O vereador Olímpio Oliveira (PSL) pondera que a Câmara campinense avalie com cautela a intenção de se intrometer na relação entre instituições financeiras e servidores municipais (ativos e inativos) que contraíram empréstimos, no sentido de fixar uma quarentena de 90 dias nas amortizações.

Falsa expectativa

“Isso tudo é muito bom e necessário para quem está passando dificuldades. Só fico com medo dos desdobramentos de tudo isso”, assinalou Olímpio.

Quem quer?

Em reunião no final de semana, a Executiva Municipal do PT em João Pessoa decidiu abrir um prazo para inscrição de filiados que desejem concorrer ao cargo de prefeito nas eleições deste ano.

O detalhe

O prazo para essa habilitação à disputa vai até o dia 15 próximo.

Fumaça branca

No dia 17 de junho o diretório municipal de JP se reúne para escolher o candidato.

Passado…

A ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves, anulou ontem mais de 300 portarias de concessão de anistia a presos políticos da ditadura militar, informou o site O Antagonista.

… Revolvido

Segundo as decisões, não foi comprovada “a existência de perseguição exclusivamente política no ato concessivo”.

Efeitos suspensos

Com base em decisões do Supremo Tribunal Federal – relatadas pelos ex-ministros Eros Grau e Cezar Peluso -, a desembargadora Maria das Graças Morais Guedes (TJ/PB) suspendeu ontem a vigência da Lei Estadual 11.694, promulgada pela Assembleia Legislativa na semana passada e que impõe descontos lineares às mensalidades escolares da rede privada, em todos os níveis.

Embasamento

No referido voto de Cézar Peluso, ele assevera que “é inconstitucional norma do Estado ou do Distrito Federal sobre obrigações ou outros aspectos típicos de contratos de prestação de serviços escolares ou educacionais”.

O detalhe

A desembargadora remeteu a liminar que concedeu ao Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino da Paraíba ao crivo do Pleno (colegiado) do Tribunal de Justiça.

À deriva

O ex-ministro Sérgio Moro aproveitou as redes sociais, ontem, para condensar o seu desapontamento com o governo que integrou até pouco tempo: “Imagine um avião em pleno voo na tempestade que, de repente, perde o piloto, depois o substituto do piloto e, por fim, inverte a lógica dos instrumentos de navegação. Não tem como dar certo”.

É preciso cantar

“Há um vilarejo ali

Onde areja um vento bom

Na varanda, quem descansa

Vê o horizonte deitar no chão (…)

Lá o tempo espera

Lá é primavera

Portas e janelas ficam sempre abertas

Pra sorte entrar

Em todas as mesas, pão

Flores enfeitando

Os caminhos, os vestidos, os destinos

E essa canção”

(Marisa Monte, cantora)

Emocione-se

O coral infantil do Espaço Cultural de João Pessoal encerrou a edição de ontem do Jornal da Cultura/TV Itararé cantando essa música.

Clique aqui e confira.

O que Luciano Cartaxo acha do ´desembarque em série´ de partidos aliados?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube