Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

sexta-feira, 24/07/2020

O ´parto´ vai demorar

´Operando´

O governador João Azevedo tem aberto em sua agenda desta semana vários espaços para tentar avançar nas definições eleitorais referentes ao Cidadania na perspectiva do processo eleitoral de João Pessoa.

Mesmo com a maioria dos pré-candidatos à vereança opinando pela candidatura própria a prefeito, tudo aponta para o partido do governador compor outra chapa indicando um nome para a vaga de vice.

Retaguarda

Além de João, as interlocuções têm sido feitas pelo presidente estadual do Cidadania, Ronaldo Guerra.

Outra mordida

O grupo Centrão (Câmara Federal) se mobiliza para indicar a liderança do governo na Casa e também o novo ministro da Saúde.

Soltando…

O senador José Maranhão, quase eterno presidente do MDB na Paraíba, deu o ar da graça no dia de ontem para legitimar, de viva voz, a candidatura própria a prefeito de Campina Grande.

… As rédeas

“A nossa mais provável candidata a prefeita é a médica Tatiana Medeiros” proclamou Zé, observando que “o MDB tem critérios bastante objetivos para indicar candidatos. Nós temos que ser realistas, pés no chão”.

Planilha

Maranhão comentou que “nas pesquisas que nós já fizemos, o nome que desponta com força extraordinária, com a força da mulher, é o da Dra. Tatiana, que tem uma história comigo. Ela atingiu o mais alto grau de confiabilidade junto ao eleitor”

Credenciais

O senador emendou: “Ela tem todos os atributos, tem coerência política, partidária, e compromisso com o MDB”.

Pilares

O prefeitável Artur Bolinha Almeida (PSL) reiterou, ontem, que a sua plataforma programática a ser colocada ao crivo do eleitorado campinense está centrada em quatro eixos: agenda econômica, saúde pública, modernização da máquina administrativa e retomada das obras de macrodrenagem.

Perfil

O pré-candidato respondeu (indiretamente) na Rádio Caturité FM (104.1) as farpas do presidente do PT em Campina Grande, professor Hermano Nepomuceno, salientando que “sou uma pessoa absolutamente conservadora. Sempre fui”.

Rastro

O secretário-geral da ONU (Organização das Nações Unidas), António Guterres, tem renovado uma observação em forma de alerta: a pandemia do coronavírus “provocará a pior recessão em um século na América Latina e no Caribe, e aumentará em 45 milhões o número de pessoas que vivem na pobreza.”

Da boca de…

“… O futuro prefeito de João Pessoa tem uma responsabilidade muito grande no pós-pandemia. A decisão do Partido Verde já está tomada desde janeiro: teremos candidatura própria e iremos compor a vice-prefeitura com partidos aliados…” (Diego Tavares, ex-secretário de Planejamento da PMJP e um dos prefeitáveis do bloco governista).

Negativa

Na manhã de ontem, o presidente do Republicanos em Campina Grande, Tertuliano Maracajá, declarou que não foi firmado o apoio partidário à pré-candidatura de Bruno Cunha Lima (PSD) a prefeito, como divulgou no dia anterior a assessoria do prefeitável.

Quem indica

O dirigente partidário informou que está “esperando” uma audiência com o prefeito Romero Rodrigues, “para que ele diga o seu candidato a prefeito. Ele é quem vai nos dizer”.

Por conta própria

Ainda de acordo com Tertuliano, as informações divulgadas representam “uma posição isolada” do vereador Marinaldo Cardoso, mencionado na divulgação do postulante do PSD.

 

Quase consenso

Em contato com a Coluna, o vereador Marinaldo disse que em recente reunião partidária, dos 31 pré-candidatos à vereança presentes, 29 deles “acenaram positivamente em sugerir, caso o partido fosse ouvido (pelo prefeito), a indicação do nome de Bruno”.

No voto

“Isso foi na hora em que Tertuliano colocou o assunto em votação. Ele disse que era o presidente (do partido), mas a maioria era quem decidiria”, recordou o edil.

Sem óbice

Ainda de acordo com o vereador do Republicanos, “ficou claro na ocasião que não haveria restrição a qualquer candidato que o prefeito venha a indicar”.

´Ata´

“Eu não falei nem falo em nome do partido. O que fiz foi relatar as deliberações”, grifou Marinaldo.

Quem leva

O vereador arrematou dizendo: “Se for novamente colocado em votação no partido, está decidido: o apoio é a Bruno”.

Partiu cedo

O ex-ministro da Saúde e ex-deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM) declarou que toparia disputar a Presidência da República em 2022, tendo como companheiro de chapa o também ex-ministro Sérgio Moro.

Mediador

Em entrevista a este colunista, ontem, na ´Caturité FM´, o prefeito Romero Rodrigues (PSD) tratou sobre a sucessão campinense.

Veja topicamente o que ele declarou.

Prolongamento

O anúncio do candidato governista só deverá ocorrer por volta do dia 15 de agosto, uma vez que haverá um atraso na entrega das pesquisas.

Estão sendo feitas sob os aspectos qualitativos e quantitativos.

Vaga de vice

“É legítima a reivindicação do Progressistas, que já ocupa a vaga (com Enivaldo Ribeiro)… É também legítima a postulação do PSC… A gente vê uma prevalência do PP. Lucas Ribeiro (atual vereador), ao que me consta”.

Outro nome?

“É importante que um candidato tenha e demonstre vontade, tenha paixão e amor (…) Dalton Gadelha é um nome extraordinário (…) Pedro (Cunha Lima) tem que se apresentar, se existe essa pretensão”.

Postura de Kassab

“(presidente nacional do PSD, que garantiu o lançamento de candidatura própria a prefeito) Seria uma insanidade da parte dele defender um nome de outro partido. Ele fez o que é correto partidariamente”.

Autonomia

“Tenho toda autoridade (partidária) para decidir, sob qualquer aspecto. Se eu limitasse a escolha ao meu partido, já estaria decidido. Mas temos bons quadros em outros partidos”.

Duas candidaturas

“Não vejo razão para mais de uma candidatura. É preciso se despir da vaidade. Disputei a possibilidade de ser candidato a prefeito três vezes. E nas duas vezes que não consegui ninguém me viu com corpo mole ou de cara feia”.

Irredutíveis

Sobre o impasse entre Bruno Cunha Lima, Tovar Cunha Lima e Manoel Ludgério: “Falta um procurar o outro. E não faltaram conselhos de minha parte. São muito jovens. É fácil conseguirem se entender em torno de um projeto comum. Não vejo problema para isso. Seria bom, antes da conclusão dessas pesquisas, porque já anteciparíamos esse anúncio”.

Será que Lula (politicamente) está com saudade da prisão?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube