Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

segunda-feira, 03/06/2019

O ´capitão´ e a reeleição

Criador e criatura

O ex-governador Ricardo Coutinho esteve ao lado do governador João Azevedo, sábado último, no encerramento do ´Ciclo 2019´ do Orçamento Democrático Estadual, em João Pessoa, realizado nas dependências do Espaço Cultural José Lins do Rêgo.

“Saúdo a todos os que estiveram aqui para escrever uma das fases mais importante da política brasileira. Em nenhum outro estado do Brasil o povo se reúne para cuidar da política ao lado do governo. Isso é histórico, principalmente neste pior momento em que vive o País…Tão importante quanto uma obra é a alma deste orçamento e a força popular. Parabenizo ao governador João Azevêdo pela condução desse processo (…) Demonstração de que esse projeto é em nome do povo e para o povo”, verbalizou RC.

Afago

João aproveitou para publicamente reverenciar o ex-governador: “Ricardo mostrou ao longo do tempo a forma de fazer política e de se fazer gestão, tornando este Estado diferente. Hoje os olhares são diferenciados e, acima de tudo, com respeito. Nós não vamos perder nada daquilo que construímos ao longo de todo esse tempo. Esse é o caminho. Esse é um processo de muitas mãos”.

Em teste

A empresa aérea Gol começa a testar em alguns aeroportos brasileiros o embarque (acesso ao interior das aeronaves) através da biometria facial.

Midiática

Campina Grande foi destaque, na programação nacional da rede CBN de rádios, com a conquista do time de basquete da Unifacisa.

Garimpo

A longa entrevista dada pelo presidente Jair Bolsonaro à revista Veja é um dos principais temas políticos dos últimos dias, notadamente para um País atolado numa crise imensa e sem ´luz no fim do túnel´ até o presente.

Alguns trechos dessa conversa presidencial é o que segue.

Feitos

“Já consegui fazer aquilo que prometi durante a campanha, coisa que eu desconheço que qualquer outro presidente tenha feito: indicar um gabinete técnico, respeitar o Parlamento e cumprir o dispositivo constitucional da independência dos Poderes.

Cerco

“Agora, a pressão aqui é muito grande, tem interesses dos mais variados possíveis, tem aquela palavra mágica que a imprensa fala muito, governabilidade. Me acusam muitas vezes de não ter governabilidade. Eu pergunto: o que é governabilidade?

Mudança de rota

“Nós mudamos o jeito de conduzir os destinos do Brasil. Hoje, cinco meses depois, eu sinto que a maioria dos parlamentares entendeu o que está acontecendo. Muitos apoiam a pauta do governo (…) A gente não pode continuar fazendo a política como era até pouco tempo atrás.

Carência

“Tá faltando o mínimo de patriotismo para algumas pessoas que decidem o futuro do Brasil. O pessoal não está entendendo para onde o Brasil está indo. Não preciso dizer quem são essas pessoas. Elas estão aí. Imaginava que ia ser difícil, mas não tão difícil assim.

Peso

“Essa cadeira aqui é como se fosse criptonita para o Super-­Homem. Mas é uma missão, entendo que Deus me deu o milagre de estar vivo. Nenhum analista político consegue explicar como eu cheguei aqui, mas cheguei e tenho de tocar esse barco.

Reforma da…

“A cabeça de um parlamentar era uma coisa, a cabeça de um presidente, agora com acesso aos números, é outra. Na Câmara, muitas vezes você tem uma informação de orelhada. Por isso, eu sempre fui contra a reforma da Previdência. O que faz a gente mudar? A realidade.

… Previdência

“O Brasil será ingovernável daqui a um, dois, três anos. Se a reforma da Previdência não passar, o dólar pode disparar, a inflação vai bater à nossa porta novamente e, do caos, vão florescer a demagogia, o populismo, quem sabe o PT (…) O Brasil não aguentaria outro ciclo assim.

Correios

“Vamos partir para a reforma tributária e para as privatizações. Já dei sinal verde para privatizar os Correios. A orientação é que a gente explique por que é necessário privatizar. No caso dos Correios, o PT destruiu a empresa. A bandalheira era tão grande que o fundo de pensão dos funcionários, que hoje está quebrado, fez investimentos em papéis da Venezuela. Com que interesse? Pelo amor de Deus!

Sem jeito

“Então, temos de mostrar à opinião pública que não tem outro caminho a não ser privatizar os Correios. Será assim com outras estatais. Há muitos cabides de emprego dentro do governo.

Desemprego

“Uma parte dos nossos milhões de desempregados não se encaixa mais no mercado de trabalho, por falta de qualificação. Há também os universitários que só têm diploma.

Educação

“Alguns acham que gastar mais dinheiro é sinal de que está melhorando a educação. Tem país que gasta per capita menos que nós e tem uma educação muito melhor. A situação não está nada bacana. Essa é a realidade.

MEC

“Errei no começo quando indiquei o Ricardo Vélez como ministro (da Educação). Foi uma indicação do Olavo de Carvalho? Foi, não vou negar. Ele teve interesse, é boa pessoa. Depois liguei para ele: ´Olavo, você conhecia o Vélez de onde?´. ´Ah, de publicações.´ ´Pô, Olavo, você namorou pela internet?´, disse a ele. Depois, tive de dar uma radicalizada. Em conversas aqui com os meus ministros, chegamos à conclusão de que era preciso trocar, não se pode ter pena, e trocamos.

Esquerda

“O que eles pregam não deu certo em lugar nenhum do mundo e continuam defendendo. No governo Lula foi criada uma dezena de estatais e no governo Dilma elas foram ampliadas. Temos de ficar livres desse peso.

PSL

“(seu partido) É um partido que foi criado, na verdade, em março do ano passado e buscava pessoas, num trabalho hercúleo no Brasil. Então nós fomos pegando qualquer um: ´Quebra o galho, vem você, cara, vamos embora´. E tem muita gente que entrou e acabou se elegendo com a estratégia que eu adotei na internet”.

Reeleição

Ainda Jair Bolsonaro: “O que eu falei é que se a gente fizer uma boa reforma política eu topo ir para o sacrifício e não disputar a reeleição. Porque um dos grandes problemas do Brasil na política é a reeleição (…) Então o meu caso é o seguinte: com uma boa reforma política, que diminuiria o número de parlamentares de 500 para 400, entre outras coisas mais, eu toparia entrar nesse bolo aí de não disputar a eleição.

E a apuração do incêndio ocorrido na subestação da Cagepa em Boqueirão?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube