Jornalista há quase 30 anos, escreve a coluna Aparte desde 1991. Já trabalhou em TV, rádio e foi editor chefe do Jornal da Paraíba e colunista das TVs Cabo Branco e Paraíba. É comentarista político das rádios Campina FM, Caturité AM e editor do portal de notícias Paraibaonline.

terça-feira, 09/01/2018

Michel Temer ´vem aí´…

Convite preliminar

No final de semana, o pré-candidato a governador pelo PSB, João Azevedo, teve uma conversa com o (ainda) filiado ao PMDB, deputado Veneziano.

A intenção foi objetiva: sondá-lo acerca da hipótese de o ´V´ integrar a chapa majoritária, na qualidade de candidato ao Senado.

Fluiu

Apesar de obviamente inconclusiva, a conversa parece ter evoluído, ao ponto de o governador Ricardo Coutinho ter dado declarações, ontem, ´incensando´ o nome do parlamentar campinense, coisa que normalmente ele não faz de maneira despretensiosa.

Agregar

Para RC, ter Veneziano na chapa governista seria um “ganho expressivo”.

Voto antecipado

“Eu, particularmente, ficaria muito feliz em poder votar em alguém como Veneziano para o Senado. Sem dúvida nenhuma seria um grande representante”, acrescentou.

Escaldado

Veneziano adotou – publicamente – a linha do comedimento e disse que tratará a sondagem como “alternativa”.

Retribuição

“Quando o governador tece comentários carinhosos, isso demonstra confiança”, acrescentou.

Entrelinhas

A movimentação retórica e tática do governador sugere uma dedução bifurcada: um indicativo a mais de que ele deseja concluir o seu mandato até dezembro, ou a explicitação obliqua de seu gradual distanciamento do senador Raimundo Lira (MDB).

De repente, pode até serem as duas coisas.

Engasgado

O fato é que RC não tem apreciado as incursões, cada vez mais constantes, de Lira no ambiente oposicionista e sua reaproximação de José Maranhão.

Distância

Por falar em Zé, ele novamente ontem colocou ´tijolos´ no muro que o afasta do prefeito pessoense Luciano Cartaxo (PSD).

Farpa

Maranhão disse que Cartaxo ´cospe no prato que comeu´ ao cobrar e pressionar o MDB a se engajar desde já em seu projeto de se tornar governador do Estado.

Dentro de casa

Mas JM também ´encarou´ o seu correligionário e vice-prefeito pessoense Manoel Júnior, que convocou uma reunião do diretório municipal do MDB/JP para esta semana.

Exclusão

O senador considerou estranho o fato de ele e o secretário da direção municipal (Diego Amaranto) não terem sido ouvidos e/ou convocados para essa reunião.

Inativo

“Não se pode falar em diretório de João Pessoa, porque o diretório está caduco”, frisou JM.

Improcedente

Manoel Júnior negou que a direção do MDB na Capital tenha ´caducado´ (perdido a validade), e até ameaçou recorrer ao Judiciário acerca dessa periodicidade.

Acordo mantido

Sobre a tese da candidatura única das oposições – e a insistência de Maranhão em ser candidato ao governo -, o vice declarou que “nessa disputa eu, obviamente, tenho um lado. E meu lado é o da correção em relação ao que foi pactuado com os partidos da oposição: quem estivesse bem nas pesquisas seria o candidato”.

Coerência

Ele reiterou que a reunião desta quarta-feira está mantida e que “nós reafirmamos, enquanto presidente da legenda no município, que continuaremos a adotar o mesmo critério que foi o da unidade das oposições. As oposições precisam ter um projeto único para a disputa das eleições de outubro”.

O detalhe

Manoel Júnior justificou que Maranhão não integra a direção municipal de JP.

Composição

Ao responder as críticas recentes de Maranhão ao seu governo e à renovada colocação à disposição dos cargos indicados pelo MDB para a prefeitura da Capital, Cartaxo disse ontem que “nós fizemos uma aliança para fazer mais e estamos fazendo mais”.

Sem imposição

“Agora – prosseguiu o prefeito – ninguém está obrigado a estar em uma ´camisa-de-força´ dentro do governo. Isso é uma opção dos partidos de fazerem parte da gestão. Essa é a primeira questão. A Paraíba toda me conhece. Nunca traí ninguém na política e não vai ser hoje que eu vou trair”.

Pra já

Luciano defendeu que o alinhamento político para as eleições deste ano precisa ocorrer em janeiro, tendo em vista o curto período de campanha eleitoral.

Afunilamento

“É natural que esse debate aconteça agora, sem imposições, de maneira madura e com debate franco e aberto. Esse é o momento ideal para a gente poder avançar em relação as composições”, argumentou.

Novamente livre

Diante do acordo feito pela direção nacional do PSL para abrigar em seus quadros a candidatura a presidente do deputado federal Jair Bolsonaro (RJ), o movimento ´Livres´ que estava atuando para a ´renovação´ da legenda (e mudança de nome) bateu em retirada.

Respingando

Muitas lideranças deverão deixar o PSL em breve aqui na Paraíba, com provável troca de comando, atualmente exercido pelo vereador pessoense Lucas de Brito.

Tchau tchau

Bruno Roberto, filho do deputado federal Wellington Roberto (presidente do PR na Paraíba) entregou o cargo de secretário de Esporte e Lazer do Estado, sexta-feira última, a Ricardo Coutinho.

Unilateral

“Fui motivado basicamente por questões pessoais. Descrevi ao governador na carta e agradeci a honra de lhe servir como auxiliar direto”, declarou Bruno.

´Desidratada´

Na verdade, o PR se ressente de prestígio no Governo e resolveu entregar o que os seus dirigentes avaliaram como um ´peso morto´ – secretaria sem orçamento ´pra chamar de seu´.

Microfone

Ricardo Coutinho concede entrevista coletiva hoje – 10h, salão nobre do Palácio da Redenção – para fazer um balanço das ações realizadas pelo Governo do Estado na área da Segurança Pública em 2017.

Duro na queda 

Michel Temer é um sujeito obstinado. É necessário reconhecer, sem adentrar no mérito de seus propósitos e de seus métodos.

Em pessoa

Pois bem, ele acertou com o dono do SBT, Sílvio Santos, a sua participação em programas do próprio SS e do Ratinho para esmiuçar a reforma previdenciária.

´Porta da Esperança´

O presidente e Silvio almoçaram no último domingo, na casa do empresário.

“Eu não entendo o que vai ser votado. Quero que você vá lá e me explique. Se eu entender, o povo entende”, declarou o ´homem do Baú´, que gosta de posar de doido, quando lhe é conveniente.

O PP/PB está ´escondendo o jogo´?...
Simple Share Buttons