Jornalista há quase 30 anos, escreve a coluna Aparte desde 1991. Já trabalhou em TV, rádio e foi editor chefe do Jornal da Paraíba e colunista das TVs Cabo Branco e Paraíba. É comentarista político das rádios Campina FM, Caturité AM e editor do portal de notícias Paraibaonline.

sexta-feira, 16/09/2016

Lula paga pra ver

Aplainando o terreno

O presidente Michel Temer (PMDB) exercitou ontem o que considera a sua ´praia´ preferida: articulação política nos bastidores.

Ele recebeu para um almoço os líderes do chamado ´Centrão´, um grupo de 13 partidos que busca ser o ´fiel da balança´ no plenário da Câmara Federal. PP, PSD, PR e PTB “puxam” esse bloco.

A convocação para a degustação teve por inspiração de que o referido bloco estaria se ´bandeando´ para a oposição.

Sem demora

A comida – e especialmente a ´sobremesa´ – ao que parece agradou aos comensais.

Após o encontro, os líderes partidários divulgaram o que foi denominado de carta de “compromisso e apoio” às ações e reformas que o governo pretende implantar.

Outro tom

O líder do PP, deputado Aguinaldo Ribeiro (PB), declarou após a conversa com Temer que o grupo terá “responsabilidade” e “transparência” para trabalhar pautas importantes para o Brasil.

Ajuste no…

O deputado Pedro Cunha Lima (PSDB-PB) apresentou uma emenda ao projeto do governo federal que cria um teto para as despesas públicas. O teto proposto é a inflação do ano anterior, medida pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo).

… Teto

A sugestão do ´tucano´ fixa que, no caso de saúde e educação, o teto deve ser corrigido também pela taxa de crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes do exercício, apurada pelo IBGE.

É hoje

Será às 4 horas da tarde de hoje o debate com os quatro principais candidatos a prefeito de Campina Grande – Adriano, Romero, Veneziano e Bolinha – na Rádio Campina FM.

O debate deverá ter aproximadamente duas horas de duração.

Outra Pasta

A Associação dos Fiscais Municipais de Campina Grande está encaminhando aos prefeitáveis um documento solicitando a criação da Secretaria da Gestão Tributária, através do desmembramento da Secretaria das Finanças.

Contenção

O Tribunal de Contas da União contratou por R$ 1,6 milhão uma empresa para ”gerenciar crises”.

Vai ter muito trabalho pela frente.

Pressão…

Os auditores do Tribunal de Contas da União se voltaram contra o ministro Vital Filho, diante das acusações feitas pelo empreiteiro Leo Pinheiro, ex-presidente da OAS.

… Na Corte

Através da associação que os representa, a categoria cobrou, em nota divulgada, que o TCU avalie o afastamento do ministro.

Precedente

É mencionado que Vital, há três meses, por decisão do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, passou a responder inquérito relacionado à Operação Lava Jato.

 

Relatoria

Os auditores sublinham que no TCU Vital é relator de processos que avaliam superfaturamento em várias obras da Petrobras e a compra da Refinaria de Pasadena, no Texas (EUA), que tem indícios de superfaturamento (em dólares).

Aplicar a lei

A nota da entidade dos auditores cobra a adoção “de forma objetiva e impessoal, dos princípios e regras exigidos dos membros da magistratura, no sentido de que devem declarar seu impedimento ou suspeição nas situações que possam afetar, ou parecer afetar, o desempenho de suas funções com independência e isenção”.

Ao largo

Em um monólogo que durou cerca de 80 minutos, o ex-presidente Lula não conseguiu – ou não se permitiu – rebater uma denúncia sequer das acusações feitas na véspera por um grupo de 14 procuradores da República.

Desafio

O petista optou por um movimento ousado: desafiar o Ministério Público Federal a provar que praticou atos desabonadores.

Garimpo

A seguir, frases do ex-presidente que vale a pena ler e guardar.

Aprendizado

“Eles (os procuradores) têm que aprender que a única coisa que tenho orgulho é que conquistei direito de andar de cabeça erguida nesse país. Provem uma corrupção minha que irei a pé até a delegacia para ser preso.

Novelesco

“Eles (MPF) construíram uma mentira, uma inverdade, um enredo de uma novela. Já cassaram o (Eduardo) Cunha, já elegeram o (Michel) Temer pelo golpe, já cassaram a Dilma, agora precisa concluir a novela. Quem é o mocinho e o bandido? Vamos dar um fecho: acabar com a vida política do Lula.

Sem vocação

“Não tenho a vocação de Getúlio (Vargas, ex-presidente) de me dar um tiro, nem do Jango (João Goulart, ex-presidente) de sair do País. Se eles quiserem me tirar vão ter que disputar comigo na rua.

´Eu e JC´

“Tenho uma história pública conhecida. Acho que só ganha de mim aqui no Brasil Jesus Cristo”.

Subsistem

“É que nem as ideias de Tiradentes. Não adianta matar, esquartejar, as ideias ficarão no ar e 30 anos depois conquistamos a independência”.

A número 1

Ainda Lula: “A profissão mais honesta é a do político. Por mais ladrão que ele seja, tem que ir pra rua, encarar o povo e pedir voto. O (servidor) concursado não”.

Os sindicatos concordam com Lula?...
Simple Share Buttons