Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

terça-feira, 11/02/2020

João referenda o ´coração´

Convencimento

O prefeito Luciano Cartaxo (PV-JP) anunciou para a semana em curso uma nova rodada de conversações com prováveis partidos aliados nas eleições deste ano na Capital.

“Já tivemos uma rodada de conversas com alguns partidos e estamos amadurecendo tudo isso. Vamos ter mais conversa e mais diálogo na busca de unidade e de entendimento, que é algo importante. Eu faço política na base do diálogo e na base do entendimento”, enfatizou.

Anúncio do nome

Cartaxo observou que “esse processo (de contato com a base aliada) é permanente. Mas vai chegar, sem dúvida alguma, a hora e o momento oportunos após o carnaval”.

´Vem comigo´

A tese do prefeito é convencer os seus interlocutores de que o Partido Verde tem quadros com condições de administrar a cidade, e que por isso o candidato à sua sucessão deve sair da sigla.

Fazer a quina

“Nós temos muita confiança na nossa candidatura, e nós temos muita confiança no trabalho realizado na cidade permanentemente. Já ganhamos duas eleições para prefeito de João Pessoa (2012 e 2016), e tenho convicção que vamos ganhar a terceira”, asseverou Cartaxo.

Expansão

O grupo Ultra – dono da rede de postos Ipiranga – anunciou que as famosas lojas de conveniência serão expandidas este ano e instaladas fora do habitual local próximo às bombas de abastecimento.

Quer voltar

O ex-deputado estadual e ex-prefeito Jacó Maciel anunciou que vai trocar o Avante pelo PSDB e disputar novamente este ano a Prefeitura de Queimadas.

Nunca antes

Com o preço mais em conta no ano passado, o consumo de etanol bateu recorde em 2019: foram vendidos 32 bilhões e 800 milhões de litros.

Crise

O lucro líquido do Banco Itaú no ano passado foi de R$ 28 bilhões e 400 milhões – 10,2% acima do que havia sido obtido em 2019.

O detalhe

A maior parte do resultado (44,3%) é proveniente da carteira de crédito para pessoas físicas.

Designação

Ato do governador João Azevedo, publicado no Diário Oficial do Estado, nomeou Priscila Aires Benjamin para um cargo de assessoria na Secretaria de Agricultura Familiar do Estado.

O detalhe

Ao que se informa, teria sido uma indicação a ´quatro mãos´: deputado federal Hugo Motta (PRB) e o vereador Renan Maracajá, seu aliado em Campina Grande.

Vídeo

Veja o meu comentário sobre a Operação Calvário, ´o tsunami da política paraibana!´

Aproveite para se inscrever em nosso canal de vídeo no Youtube. Assista aqui.

Batalha

A segunda-feira foi de organização nas trincheiras governistas e da oposição para o desdobramento do pedido de impeachment que começou a tramitar na Assembleia Legislativa da Paraíba.

Não prospera

“Não tenho dúvida de que não irá pra frente, até pela própria justiça que não permitirá isso”, avaliou o ex-senador Efraim Morais, presidente do Democratas na Paraíba.

Conclamação

Mais enfático, o deputado Jeová Campos (PSB) disse que “cabe a cada deputado (da base) assumir uma posição pública como eu estou fazendo contra esse impeachment”.

´Vai que é tua´

“Lamentavelmente, o que a oposição quer é dar um golpe. E nós não podemos aceitar. É preciso respeitar a vontade do eleitor paraibano”, registrou o socialista, que espera igualmente uma ação do deputado-presidente Adriano Galdino (PSB) visando o arquivamento do que considera um incabível pedido.

Sem base

“Qual é o fato? Não tem fato concreto. Se não tem, é natimorto. Já morre no nascedouro. Não tem um fato concreto. João responde a quê? É condenado em quê?! Para se pedir o afastamento… Nada mais é do que um palanque eleitoral”, comentou o deputado licenciado e secretário de Articulação Política João Gonçalves.

Planalto Central

O governador se desloca hoje para Brasília com a finalidade de participar de mais uma reunião do Fórum de Governadores do País e do Fórum dos Governadores do Nordeste.

Combustão

Um dos temas, nos dois encontros, será a queda-de-braço entre os governadores e o presidente Jair Bolsonaro com relação aos tributos que incidem sobre o preço dos combustíveis.

O projeto de continuidade do Fundeb também está na pauta.

O detalhe

Nesta quarta-feira, João Azevedo será recebido pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

Microfone

No dia de ontem, o governador paraibano fez seu primeiro pronunciamento acerca da denúncia de tentativa de ´golpe´, verbalizada no final de semana pelo deputado federal Damião Feliciano (PDT).

Sem precedentes

Inicialmente, ele ponderou que fazer um processo de impeachment de dois governantes simultaneamente, é um fato inusitado, até mundialmente.

Insensatez

“É um processo absolutamente desprovido de qualquer condição jurídica. Aquilo é uma excrescência e, dependendo das atitudes e dos procedimentos dos passos que serão dados na Assembleia dos interessados, a leitura do deputado (Damião) está mais que correta”, posicionou-se.

Convocar a turma

O governador anunciou para breve uma reunião com a bancada governista, e antecipou que espera que o pedido seja arquivado.

“Eu não tenho dúvida nenhuma: o presidente Adriano Galdino tem a verdadeira noção do que é aquilo e do que representa para a democracia. Seria sim, caso houvesse prosseguimento, um golpe, como disse o deputado”, insistiu João.

Quem chegará ´limpo´ às convenções?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube