Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

segunda-feira, 13/05/2019

´Instinto de sobrevivência´

O ´jeito João´ de governar

Nessas idas e vindas próprias da administração pública no Brasil, o governador João Azevedo (PSB) decidiu promover a fusão das secretarias da Receita e das Finanças, conforme atos publicados no final de semana no Diário Oficial do Estado.

Marialvo Laureano dos Santos Filho comanda a nova Pasta – ´Secretaria da Fazenda´-, tendo Bruno de Sousa Frade como secretário executivo de Receita, e Mário Sérgio de Freiras Pedrosa como secretário executivo do Tesouro.

Poderosa

A senadora Daniella Ribeiro (PP-PB) está encarregada de relatar um projeto de repercussão bilionária: o marco regulatório das telecomunicações no Brasil.

Da boca de…

“… Os mais pobres se aposentam em média 10 anos depois dos mais ricos…” (Rogério Marinho, secretário especial de Previdência e Trabalho).

Garimpo

Merece ser lida a nova coluna de Fernando Henrique Cardoso no paraibaonline.com.br

Só a título de ilustração seguem alguns trechos.

Infortúnio

“Talvez estejamos começando a viver outro momento. O da desesperança. As pessoas deixam, aos poucos, de acreditar nelas próprias como coletividade.

Gesto

“É preciso que o povo veja sinais de avanço em várias áreas. Isso requer o uso do “verbo” – da palavra – não para alvejar inimigos, mas para despertar entusiasmo (que etimologicamente quer dizer “deus no coração”, crença)”.

Serviço:

Veja aqui a coluna na íntegra.

À deriva

O MDB na Paraíba virou uma espécie de ´terra de ninguém´.

Todos os diretórios municipais estão com os seus mandatos vencidos.

Abandonado

Em Campina Grande, durante entrevista dada à TV Itararé, o vereador Olímpio Oliveira (único filiado à legenda) revelou que não sabe quem é o presidente municipal do partido, muito menos onde fica localizada a sede partidária.

Estagnação

“É a mesma situação desde o final da campanha (do ano passado). De lá para cá não tivemos mais nenhum encontro com a direção estadual. Apenas tive contatos brevíssimos com o senador José Maranhão”, situou o vereador.

´Fico´

Mesmo assim, Olímpio afirmou que “nunca cogitei deixar o partido”.

Mas ressalvou que “espero que o partido me dê condições de organizá-lo, para que não sejamos uma legenda a reboque nas próximas eleições”.

Rumo às urnas

O emedebista disse que há quadros no MDB com chances de viabilizar uma candidatura própria a prefeito de Campina em 2020.

Prefeitáveis

Ele citou os nomes de Metuselá Agra, Mirabeau Maranhão (sobrinho do senador JM) e Tatiana Medeiros, e admitiu colocar à disposição o seu próprio nome.

“Agora é preciso a direção estadual definir se vai participar do pleito”, acentuou.

´Flerte´

O vereador campinense (licenciado) Nelson Gomes Filho está dialogando com a direção do PSC uma eventual filiação ao partido.

O ´capitão´

“Temos que facilitar a vida de quem quer produzir e de quem tem coragem ainda de investir no Brasil, o que é um esporte de altíssimo risco, dada a situação que temos agora”.

Jair Bolsonaro, na reunião com governadores na última semana.

Da boca de…

“… Carlos foi um dos grandes responsáveis pela vitória nas urnas, contra tudo e contra todos. O presidente enfatiza que estará sempre ao seu lado…” (general Rêgo Barros, porta-voz da Presidência da República, sobre o filho/vereador de Jair Bolsonaro, que tem participado das principais decisões governamentais).

´Teu passado…

Renomado cientista político da Universidade de São Paulo, o professor Alberto Carlos Almeida publicou em seu Twitter informações relativas à vida acadêmica na instituição do atual ministro da Educação, Abraham Weintraub, ex-aluno de ciências econômicas.

… Te condena´

“O ministro se graduou em economia com média abaixo de 5,0 e foi reprovado em quase 40% das disciplinas em que se matriculou”.

Crise?

Reportagem recente do jornal O Estado de São Paulo mostrou que o Supremo Tribunal Federal, por determinação do ministro-presidente Dias Toffoli, fez uma reforma no gabinete da presidência que incluiu a substituição de carpete por piso frio.

A obra custou R$ 443.908,43 aos cofres públicos.

´Quarentena´

Quando a ´maré baixar´, muito provavelmente será colocado em votação no Legislativo campinense um projeto que aumenta em duas cadeiras (de 23 para 25) a quantidade de vereadores na cidade para a próxima legislatura, mesmo sem eficácia imediata garantida.

Pouco provável

Ao tratar dias atrás do tema, a vereadora-presidente Ivonete Ludgério (PSD) considerou a possibilidade “remotíssima”, devido ao fato de Campina ainda não atender uma exigência legal: ter 450 mil habitantes.

O detalhe

Com base nos dados mais recentes do IBGE, em 2018 a cidade estava com 405 mil habitantes.

Entre talheres

Sem muito alarde, ocorreu há alguns dias uma reunião dos chefes dos poderes na Paraíba, por sinal fora dos limites territoriais de João Pessoa.

O cardápio verbal foi indigesto: a Operação Calvário. O alerta, em forma de preocupação, feito por um dos participantes, foi quanto ao fato de a evolução das investigações respingar em todos os poderes e o risco de o Estado embarcar num ´salva-se quem puder´.

Como foi a ´digestão´ de cada um dos comensais, os próximos dias ou semanas darão a resposta.

PSDB e DEM na Paraíba simpatizam com a anunciada fusão das duas legendas?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube