Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

quinta-feira, 08/08/2019

Governador amplia o recado

Vai à luta

Conforme antecipou APARTE, na edição de ontem, o empresário Artur Bolinha Almeida (presidente da CDL/CG) anunciou a sua condição de pré-candidato a prefeito de Campina Grande.

“Eu estou anunciando hoje (ontem) a minha disposição de ser candidato. Isso vocês podem ter certeza”, proclamou na entrevista.

Maturação

“Com relação à filiação partidária, não iremos fazer nesse primeiro momento. Faremos num momento mais adiante. Essa definição não é a mais importante”, enfatizou.

Convergências

“Eu tenho uma afinidade com o PSL do ponto de vista de agenda, o que é um facilitador muito grande. Sou uma pessoa que tem uma visão liberal, do ponto de vista econômico e conservador nos valores. Isso, de certa forma, aproxima demais o que eu penso do que o partido pensa”, sinalizou Bolinha.

Boa chance

O postulante registrou que “tenho uma relação muito boa com Julian Lemos (deputado federal e presidente do PSL/PB). E acredito que se o partido tiver essa definição de ter candidato a prefeito, muito provavelmente poderemos ser o candidato”.

Quase vingou

A filiação do empresário ao PSL chegou a ser agendada para a semana passada, mas Bolinha recuou porque “não tinha tomado a decisão de ser candidato”.

“Agora vamos retomar as conversas”, adendou.

Gratidão

Na entrevista, Artur Almeida fez uma menção ao seu antigo partido: “O PPS (atualmente Cidadania) foi muito correto comigo. Nonato Bandeira (presidente estadual à época) foi de uma correção exemplar comigo. Sou muito grato. E fui candidato a deputado estadual por um pedido dele”.

O empresário disse que “vamos construir uma agenda de visitas e de aprofundamento das discussões dos problemas e das soluções junto à população”.

Cotação

Na BR 230, trecho entre Campina Grande e João Pessoa, o preço da gasolina já está sendo vendido em alguns postos a R$ 4,18.

Complicou

A Petrobras informou ontem uma mudança no formato de divulgação dos futuros reajustes nos preços da gasolina e do diesel nas distribuidoras.

O comunicado se dará através de metro cúbico (e não mais por litro).

Endereço…

Jair Bolsonaro é o que os mais antigos chamavam frequentemente de ´rancoroso´.

Anteontem, ele fez publicar uma medida provisória que autoriza empresas de capital aberto a publicar os seus balanços no site da Comissão de Valores Mobiliários ou do Diário Oficial, em vez dos jornais impressos.

… Certo

Essa MP mira principalmente o Grupo Globo, que controla o jornal Valor Econômico, onde são publicados (com pagamento generoso) os balanços das principais empresas de capital aberto do País.

Espetada 

Irônico (e até sádico), Bolsonaro se permitiu comentar a medida: “É para ajudar a imprensa de papel (…) As grandes empresas gastavam com jornais em média R$ 900 mil por ano. Vão deixar de gastar isso aí. Eu tenho certeza de que a imprensa vai apoiar isso aí. Obra de uma caneta BIC”.

Ampliação

Antes mesmo de a sessão ordinária de ontem da Assembleia Legislativa ter início, começou a circular no plenário a informação da ´fermentação´ do ´G10´ (grupo de deputados da base governista).

Desconhecimento

Ao se deslocar para o plenário da ALPB, o líder do governo Ricardo Barbosa (PSB) foi confrontado por jornalistas com essa notícia.

“Eu não tenho essa informação ainda. Mas vamos avaliar. Acabo de ser informado por vocês”, respondeu.

Discernimento

Acerca desse ´retalhamento´ no bloco governista, Ricardo avaliou que “toda divisão na política é danosa. Mas se o grupo G10, G11 ou G12 entender, como esperamos, que o nosso berço é a base do governo, e que as desavenças, dissonâncias e as expectativas, aqui e acolá frustradas, devem ser resolvidas internamente, num diálogo sereno e franco, como tem sido, eu não vejo problema. Mas vamos aguardar”.

Amortecedor

De qualquer modo, o líder assinalou que “não tenho como aferir juízo de valor sobre um grupo do qual não pertenço. Mas temos as melhores expectativas de que não haja dissensões profundas, muito menos crises”.

Apelo

“O que há de ser compreendido é que nós temos uma situação muito complexa com relação à política do governo federal, com retaliações. E nesse instante é preciso que haja a compreensão de todos – G11, blocão, bancada do governo”, acentuou RB.

Risco

Ricardo comentou ainda que “eu não sei dimensionar o tamanho dessa crise, mas ela poderá ser grave. E é por isso que existe cautela de todos nós, para apoiar o governador nessa travessia, e não fazer marola, que é muito ruim em qualquer circunstância”.

Agregado

Quando o líder efetivamente ingressou no plenário, constatou que o ´G10´ havia virado ´G11´, com o ingresso do deputado Doda de Tião (PTB).

Sintonia

“Eu vim aqui somar com esses companheiros, que eram 10, agora são 11. Quero somar com eles que são competentes, querem o melhor para a Paraíba. Foi um consenso. Acho que pensamos de forma igual sobre os problemas da Paraíba. A decisão foi por meio de uma conversa, preferi estar com eles”, justificou Doda.

Sem passar…

Perto das 11 horas da manhã, João Azevedo chegou à Praça João Pessoa debaixo de chuva para o lançamento da ´Patrulha Maria da Penha.

… Recibo

Confrontado com a nova ´baldeação´ em sua base na ALPB, o governador afirmou que “eu tenho dito que não tenho muita preocupação com o ´G´. O único ´G´ que eu tenho preocupação efetivamente é o de governo”.

Tem que fazer escolha

João repisou que “nós temos uma base na Assembleia e a gente tem que entender isso. Não são grupos, temos deputados da base. E aqueles que se sentirem à vontade, vão continuar. Aqueles que não se sentirem, eu não posso forçar a permanência e aí é uma decisão pessoal de cada um”.

Por fim, avisou a nova ´batida do bombo´: “O governo fez, durante o primeiro semestre, reuniões com grupos separados, e depois reuniões conjuntas. A partir de agora só haverá reuniões conjuntas, com toda a base. Não serão mais tratados grupos em separado”.

Atualmente, Veneziano está mais próximo de João ou de Ricardo Coutinho?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube