Fechar

Fechar

Arimatéa Souza

quinta-feira, 15/03/2018

Divórcio a caminho

A bola com o prefeito

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) declarou ontem que uma candidatura a governador “está fora do meu radar”.

Para ele, o prefeito Romero Rodrigues “é um grande titular” para essa postulação. “É um dos quadros que mais nos orgulha. Está mantida a candidatura de Romero”, emendou.

Consumada

PCL lembrou em entrevista na ´Correio FM´ que “o PSDB tem uma decisão tomada já há um bom tempo”, na direção de Romero.

“E eu tenho visto o prefeito estimulado”, grifou.

Adequação

Pedro confirmou que o seu pai (senador Cássio) poderá abrir mão de disputar a reeleição para o Senado – e tentar uma cadeira na Câmara Federal -, como forma de facilitar a composição entre os partidos oposicionistas.

Linha direta

Pedro estabeleceu um entendimento pessoal com o deputado federal Roberto Freire (SP), presidente nacional do PPS, acerca da possível troca de partido ao longo dos próximos dias.

Cinco parlamentares federais ´tucanos´ estão nesse ´flerte´.

Sobrevivência

O PPS precisa muito aumentar a sua bancada para cumprir a chamada ´clausula de barreira´, que assegura acesso ao fundo partidário e ao tempo gratuito no rádio e na TV.

Salto

A legenda tem nove deputados federais e precisa chegar a – pelo menos – treze.

E está oferecendo o comando do partido nos Estados aos deputados ´paquerados´.

Torniquete

O reitor da UEPB, professor Rangel Júnior, disse ontem que a instituição caminha para executar, este ano, um orçamento inferior ao que foi cumprido em 2015.

“É uma asfixia plena”, sintetizou.

Da boca de…

“… Eu não lido, simplesmente não me submeto a pressão…” (ministra Carmen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal, ao comentar sobre a pressão para o STF reavaliar a prisão após condenação em segunda instância).

´Paredão´

Em entrevista ao ´Estadão´, o deputado/presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ) defendeu o fuzilamento de brasileiros presos no exterior por tráfico de drogas.

Rusga

Um grupo de vereadores da base governista em Campina Grande está insatisfeito com a atuação do seu colega Teles Albuquerque (PSC), que está respondendo pela Secretaria de Esporte e Lazer da PMCG.

Hiato

O Senado aprovou, ontem, projeto que altera o Estatuto da Advocacia e fixa uma ´quarentena´ obrigatória de três anos para ex-juízes e ex-promotores poderem atuar na advocacia privada após aposentadoria ou exoneração.

Da boca de…

“… Começou a luta. Então, a ideia é satanizar porque é recente a frustração de todos com o que aconteceu no governo Dilma. Qualquer um que não seja coxinha, tem de ser mortadela. Eu vou resistir: não sou coxinha nem mortadela…” (presidenciável Ciro Gomes, do PDT).

No comando

A comissão especial que vai analisar o projeto de lei de privatização da Eletrobras (empresa-mãe do setor elétrico nacional) será presidida pelo deputado paraibano Hugo Motta (quase no PRB).

´Cadê você´?

A deputada Daniella Ribeiro (PP) cobrou ontem uma definição de Romero Rodrigues sobre a sucessão estadual, até porque a ´pista´ estaria livre com a desistência do prefeito Luciano Cartaxo (PSD-JP).

Versão

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) rebateu a informação divulgada pelo jornal Folha de São Paulo (e aqui destacada) de que seu patrimônio saltou de R$ 2,5 milhões, em 2014, para R$ 8 milhões, dois anos depois.

O que ele…

“A informação é falsa e absurda. Não se sabe por que o jornal escolheu essa data, uma vez que não houve, a partir de 2014, a aquisição de qualquer bem pelo senador. Portanto, ao contrário do que sugere a matéria, não houve qualquer aumento do patrimônio.

… Esclareceu

“A Folha confundiu crescimento patrimonial com valorização de um patrimônio pré-existente. Para afirmar que o patrimônio triplicou, misturou valores históricos e atuais”, registrou o ´tucano´ em nota.

Emergiu

Poucas horas após ter divulgado uma nota se colocando à disposição da oposição para disputar o governo estadual, o vice-prefeito pessoense Manoel Júnior reapareceu ontem.

Definhando

Manoel praticamente sinalizou a iminente desfiliação do MDB: “O MDB está em franca extinção na Paraíba e tem uma candidatura que não dialoga, deixa a chapa proporcional fragilizada e o partido vulnerável. Na Paraíba, há uma probabilidade muito grande de o MDB perder 100% na bancada federal”.

Leque aberto

O vice teve na terça-feira uma conversa com o presidente do PSDB/PB, Ruy Carneiro, na qual teria admitido deixar a PMJP para tentar um cargo na chapa majoritária da oposição, mesmo que não seja o de governador.

Zé mostra a porta de saída

O senador José Maranhão (MDB) reagiu ontem à disponibilidade de Manoel Júnior para disputar o cargo de governador: “Ele (o vice) também pode ser candidato a governador, se assim entender. Mas nesse caso ele teria que procurar o abrigo de outro partido, porque o MDB já tem a minha candidatura, inclusive com a anuência do próprio Manoel Júnior”.

– Eu não posso dar conselho sobre esse aspecto, mas Manoel pode ser candidato na chapa proporcional pelo MDB – assinalou Zé, que ontem se reuniu, em Brasília, com Romero Rodrigues, para tratar de ´assuntos administrativos´.

Ouvido aceita (quase) tudo.

Romero volta a se empolgar com a candidatura ao governo...

Me Aguarde

Palanque

Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube