Fechar

logo
logo

Fechar

Arimatéa Souza

sábado, 15/01/2022

´Casamento´ que começará com divórcio

Espelhou o mandato

“Ele foi extremamente infeliz. Isso demonstrou a sua postura de intransigência, que invariavelmente tem sido a marca do seu mandato”.

A avaliação é do deputado estadual Hervázio Bezerra (PSB), ao se reportar à ´incontinência verbal´ do deputado Wallber Virgolino (Patriota) no tocante aos seus colegas da Polícia Civil e às entidades classistas desse segmento.

´Melar´

Ainda conforme o parlamentar, o seu colega da ALPB queria “que não houvesse qualquer acordo”.

De olhos nas urnas

“Wallber queria que a corda esticasse pensando apenas nele, pensando nos votos que ele espera ter na categoria”, acrescentou Bezerra.

Aposta…

Hervázio avalia que são mínimas as chances de o senador Veneziano Vital (MDB) não concorrer ao governo estadual nas eleições deste ano.

… Alta

“Se tivesse 10 fichas, colocaria 9 e meia” no sentido de que o senador será candidato, “o que é legítimo”.

Demarcações

O parlamentar apontou três episódios para respaldar a sua avaliação: a contenda entre o senador e aliados do governador devido à recente troca de comando do Podemos no Estado; o caso do abandono de uma solenidade com o governador em Campina, por parte de Ana Claudia, esposa de Veneziano; e a recente conversa do senador com o ex-senador Cássio Cunha Lima.

Indigestão

Hervázio comentou que João Azevedo “não digeriu bem” o encontro de Veneziano com Cássio.

Estratégias…

No tocante à disputa para o Senado – polarizada até o momento na base governista entre os deputados Efraim Filho (DEM) e Aguinaldo Ribeiro (PP) –, o deputado do PSB observa que ela tem como peculiaridade as “posturas totalmente diferentes”.

… Distintas

“Aguinaldo joga parado. Sou vizinho dele em João Pessoa e, para mim, ele nunca chegou para dizer que é candidato. O único que fala isso é Cícero Lucena. Já Efraim faz campanha explicita e escancarada, abordando a classe política”, diagnosticou Hervázio, sugerindo que a solução poderia ser um deles disputando a vice-governadoria.

Da boca de…

“… Bandido, no meu governo, vai para a cadeia mesmo. Não tem conciliação…” (ex-ministro e prefeitável Ciro Gomes, do PDT).

Indignação

“De forma abrupta e antidemocrática, fomos surpreendidos com uma intervenção em nosso Diretório, sem nenhum diálogo ou comunicação prévia, em total afronta às diretrizes partidárias, à democracia, e ao trabalho que estávamos desenvolvendo”.

Autoria

Protesto do prefeito da cidade de Pedras de Fogo, Manoel Júnior, que foi defenestrado do comando do partido Solidariedade na Paraíba.

Pé na estrada

Manoel Júnior decidiu se desligar da legenda.

O retorno

Para o presidente Jair Bolsonaro, a eventual eleição do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) representaria “reconduzir criminoso à cena do crime”.

O super…

Por falar em Bolsonaro, ele editou um decreto que dá mais poder à Casa Civil na execução do Orçamento deste ano, reduzindo a autonomia do Ministério da Economia, comandado por Paulo Guedes.

… Virando sub

O texto fixa que a Casa Civil da Presidência terá que dar aval para algumas ações de abertura, remanejamento ou corte de despesas dos ministérios.

Ponto final

Os governos estaduais decidiram que ao final deste mês será encerrado o ´congelamento´ da base de cálculo do ICMS para os combustíveis.

Na prática

Conforme o entendimento predominante, a sucessão recente de reajustes no preço do produto demonstra que o tributo estadual não é o principal ´vilão´ pelo preço cobrado nas bombas.

Sábado é dia de poesia

“Fica decretado que agora vale a verdade. Agora vale a vida, e de mãos dadas, marcharemos todos pela vida verdadeira. Fica decretado que todos os dias da semana, inclusive as terças-feiras mais cinzentas, têm direito a converter-se em manhãs de domingo…” (´Estatutos do Homem´, do poeta amazonense Thiago de Mello, que ontem nos deixou aos 95 anos de idade).

Garimpo

Em sua edição de ontem, o jornal Valor Econômico noticiou que “com impasses regionais pontuais”, o PSDB e o Cidadania devem anunciar até meados de fevereiro a formação de uma federação partidária.

Leia outros trechos.

Convergência

A união entre os dois partidos teria como nome preferencial na corrida pelo Palácio do Planalto o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

Tratativas

Os presidentes nacionais das duas legendas, Roberto Freire (Cidadania) e Bruno Araújo (PSDB), reuniram-se na noite de terça-feira em Brasília.

Após o encontro, o sentimento é de que a junção realmente deve ocorrer.

É o jeito

“Pelo andar da carruagem, parece que não vai ter nenhuma outra alternativa. O movimento para a federação andou mais”, disse Freire em entrevista ao Valor.

Como funciona

Os partidos federados são obrigados a lançarem chapas conjuntas em todos os Estados e a atuarem unidos por quatro anos no Congresso e nas Assembleias.

Prazo

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as legendas têm até o dia 1º de março para solicitarem o registro formal da criação das associações.

Variáveis

Antes, portanto, do prazo limite para a desincompatibilização e também do prazo para quem vai trocar e concorrer ao pleito.

Calendário

O Cidadania vai reunir a Executiva Nacional até o dia 19 de janeiro para definir posicionamento sobre o tema.

A Executiva do PSDB deve se reunir até o dia 25 de janeiro.

Entre nós

O avanço no entendimento entre as duas siglas tem provocado atritos regionais.

O maior nó a ser desatado é na Paraíba, único Estado governado pelo Cidadania.

Descartada

Aliados do governador João Azevêdo (Cidadania) indicam ser impossível uma composição com o PSDB, partido que faz oposição ferrenha ao governo.

Oposição

Os tucanos lançaram a pré-candidatura do deputado Pedro Cunha Lima (PSDB), filho do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), para concorrer com Azevêdo.

´Plano B´

Pessoas próximas ao governador avaliam que, em caso da criação da federação, ele pode deixar a legenda.

As alternativas seriam um retorno ao PSB ou uma migração para o PSD.

Quase impossível

“Defendo que, nos Estados onde você tiver governo, é o governador que comanda o debate. Na Paraíba, precisamos saber se há um acordo para que essas duas forças se juntem. É tremendamente difícil”, alega Roberto Freire.

Moro pegou Covid na ´balada´ aqui na Paraíba? Encontrou algum prefeito gripado?...

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube