Jornalista há quase 30 anos, escreve a coluna Aparte desde 1991. Já trabalhou em TV, rádio e foi editor chefe do Jornal da Paraíba e colunista das TVs Cabo Branco e Paraíba. É comentarista político das rádios Campina FM, Caturité AM e editor do portal de notícias Paraibaonline.

sábado, 02/09/2017

Cartaxo percorre a BR 230

Lula conceitua Bolsonaro

Em entrevista esta semana à TV Educativa da Bahia, o ex-presidente Lula (PT) avaliou a ascensão eleitoral do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), pré-candidato a presidente, como uma demonstração de “analfabetismo político” de boa parte do eleitorado brasileiro.

“Quando você começa a negar de forma sistemática a política, (dizer que) nada presta, tudo está errado, o resultado é isso. É alguém que não se diz político querer ocupar esse espaço (…) Você passa a compreender que, fora da política, você vai encontrar um cara que é diferente e que pode resolver, ou um político grotesco, como é essa figura, agressivo, que ofende as mulheres, que ofende negros. O Brasil tem que negar isso”.

´Batismo´

Finalmente, ontem, uma aeronave comercial (empresa Gol) foi abastecida no Aeroporto João Suassuna, em Campina Grande.

PP

Um ´punhado´ de políticos do Partido Progressista foi denunciado ontem ao Supremo Tribunal Federal pelo procurador geral da República, Rodrigo Janot.

Entre eles, o deputado Aguinaldo Ribeiro (PB).

Da boca de…

“… Ricardo Coutinho soube aproveitar os projetos que foram elaborados no meu governo…” (senador José Maranhão, em entrevista).

Quem levou

Soraya Galdino, secretária de Saúde de Itabaiana e irmã do deputado Adriano Galdino (PSB) foi reeleita para presidir o Conselho Municipal de Secretários Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems/PB).

Concorreu com Luzia Pinto (SMS-CG).

Adiamento

Deu ´deserto´ o processo licitatório para escolher a empresa que vai construir a nova sede do Hospital da Criança em Campina Grande.

As empresas que concorreram nessa licitação ou não aceitaram o preço fixado ou não possuíam todas as certidões negativas exigidas.

O detalhe

Está sendo agendado novo certamente licitatório.

Constrangimento

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) lamentou a postura do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal: “Fico muito constrangido pelas suas decisões (de conceder habeas corpus a presos da Lava-Jato), como advogado, como professor de direito, como militante político. Em algum momento, ele precisa botar a mão na cabeça e se recolher ao cargo de ministro do STF”.

Minando

Ainda Ciro: “Gilmar está erodindo (corroendo) dramaticamente a respeitabilidade que o povo brasileiro precisa ter do STF. Não é possível que ele continue a insultar a corte dessa forma”.

Boas mãos

A biblioteca do ex-governador e poeta Ronaldo Cunha Lima foi doada ao acervo da Universidade Estadual da Paraíba.

Ranking

Em recente edição, o jornal Folha de São Paulo divulgou o resultado de uma pesquisa, feita com artistas, compositores, professores e outros segmentos, com a finalidade de saber qual é a música mais marcante de Chico Buarque.

Pela ordem, as três mais citadas foram ´Construção´, ´O que será?´ e ´As Vitrines´.

Sábado é dia de poesia

Então vamos de Chico Buarque: “Não se afobe, não/ Que nada é pra já/ O amor não tem pressa/ Ele pode esperar em silêncio/ Num fundo de armário/ Na posta-restante/ Milênios, milênios no ar…”

Sinal dos tempos

Na inauguração, esta semana, da 4ª adutora d´água tratada de Campina Grande (entre a estação de tratamento de Gravatá/Queimadas e o bairro de Santa Rosa), o deputado João Gonçalves (PDT) afirmou que Ricardo Coutinho (PSB) era “o maior líder político de toda a história da Paraíba”.

Pela Serra

Luciano Cartaxo, prefeito pessoense do PSD, passou boa parte da sexta-feira em Campina Grande, onde acertou uma parceria com a UEPB.

Ele também concedeu entrevista a este colunista. Eis alguns trechos de suas declarações à ´Campina FM´.

Queda livre

“O projeto do PSB (Ricardo Coutinho) já está superado, já dá sinais de fadiga e de cansaço desde as eleições de 2012 (municipais). E em 2016 as grandes cidades da Paraíba deram uma vitória maiúscula à oposição. Ninguém faz política sem ouvir o povo.

Promessa

“No governo atual predomina o improviso na segurança pública. Ricardo prometeu resolver (no 1º mandato) em seis meses, e não se esconder através de secretários. Só tem tomado medidas paliativas.

Sem crise

“A relação com a Câmara (pessoense) é harmoniosa, não tenho dúvidas disso. E trabalho diuturnamente para manter essa unidade.

Reforma política

“A questão central é baixar o custo das campanhas eleitorais.

Favorável

“(sou a favor) Do fim das coligações proporcionais. Atualmente você vota num candidato e acaba elegendo outro.

Coesão

“Campina Grande e João Pessoa têm que andar juntas e dar as mãos em favor da Paraíba.

Sem diálogo

“Estamos (JP e CG) empatados: sem convênios com o governo estadual. Isso é muito ruim para um gestor (RC) que se diz republicano. Isso (inexistência de convênios) quebra literalmente todo o discurso do governo socialista.

Indiferença

“O Estado não consegue compreender a importância do Maior São João do Mundo para a cidade e o Estado, e trata o evento como algo menor, sem nenhuma parceria efetiva”.

´Mão de ferro´

Ainda Luciano Cartaxo: “Ele (RC) quer alguém (na cadeira de governador) que ele possa controlar mesmo saindo do governo. Mesmo ele saindo, ele quer ter o controle administrativo, caso contrário não deixa o governo para disputar outro mandato”.

O que Rodrigo Janot ´aprontará´ até deixar o cargo no próximo dia 17?...
Simple Share Buttons