Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

sexta-feira, 27/11/2020

Baixou a ´patente´

´Esforço concentrado´

O Tribunal Superior Eleitoral anunciou ontem um ´intensivão´ de sessões extraordinárias e virtuais para tentar julgar até o dia 18 de dezembro – prazo limite para a diplomação dos eleitos nas eleições deste ano – todos os recursos relacionados ao registro de candidaturas.

Já ´desembarcaram´ no TSE cerca de 1.500 desses recursos.

Indícios…

O TSE também informou ontem que identificou 65.300 pessoas inscritas em programas sociais do governo federal que fizeram doações na campanha eleitoral deste ano (aos candidatos) que totalizam R$ 54 milhões.

… De fraudes

Outro dado sob investigação: 12.400 trabalhadores informais doaram R$ 44 milhões às campanhas.

À deriva

O ambiente no Poder Legislativo de Campina Grande chega a lembrar ´fim de feira´.

´Deserto´

São poucos vereadores em plenário – às vezes nenhum que integre a mesa diretora.

As sessões têm sido rápidas e minimamente deliberativas, por falta de quórum.

Sem cobrança

Diante desse cenário, praticamente inexiste a possibilidade de punição – especialmente no bolso – para os faltosos.

Conivência

Ao pé da letra, alguns edis já teriam perdido o mandato por excesso de faltas às sessões ordinárias.

Mas há um silêncio cúmplice.

Vácuos

No site da Câmara campinense, por exemplo, a última edição postada do Seminário Oficial é de junho último.

O último processo licitatório é de novembro do ano passado.

´Quarentena´

A última LOA (Lei Orçamentária Anual) disponível é de 2016.

O último ato da presidência publicizado é de dezembro do ano passado.

Retrovisor

Esta Coluna, muito antes das eleições, tratou da ´misteriosa´ apreciação de vetos do Poder Executivo, em junho último.

Votação atribuída a uma sessão em que não se sucedeu essas deliberações.

Invisíveis

Aliás, o vídeo da maioria das sessões desse segundo semestre sumiu no canal do YouTube do Legislativo.

´Corrida do ouro´

Agora, nos bastidores é pura efervescência com os edis reeleitos envolvidos nas discussões –e concessões – atinentes à eleição do (a) novo (a) presidente.

´Leilão´

São reuniões, almoços e jantares que têm como cardápio as estruturas e privilégios que poderão ser oferecidos a partir de janeiro.

Pé no freio

O ministro Francisco Falcão, do Superior Tribunal de Justiça, suspendeu a tramitação do pedido de aposentadoria do conselheiro (afastado) do Tribunal de Contas do Estado, Arthur Cunha Lima, que tramitava na PB Prev.

MPF

O magistrado acatou contestação do Ministério Público Federal, que interpretou o pedido como uma maneira de trocar de foro (instância judicial), por parte do solicitante, dificultando, por conseguinte, a conclusão das investigações e sentenciamento do mesmo.

 

Breque

A medida, por tabela, bloqueia a escolha do novo integrante do TCE-PB por parte da Assembleia Legislativa.

Rombo

A empresa multinacional de pesquisas Euromonitor divulgou ontem estudos que projetam em 550 bilhões de dólares a queda de vendas no comércio varejista de todo o mundo, este ano, com a pandemia.

Promessa

“Um serviço de qualidade à população, com zelo e cuidado”.

É o que está prometendo à população campinense o vereador eleito Waldeny Santana, igualmente presidente do Democratas em Campina Grande.

Origem

Em entrevista à Rádio Caturité FM (104.1), ele traçou o perfil predominante de seu eleitorado: “Quem se identifica com uma pauta conservadora; quem gosta de ir à missa ou ao culto regularmente”.

Cuidado

O demista reforçou que “serei muito zeloso com o meu eleitor. Não posso negligenciar essa responsabilidade. Vou estar presente permanentemente nas comunidades”.

Essencial

Waldeny entende que o vereador “não deve ser medido ou avaliado pela quantidade de projetos ou de requerimentos que venha a apresentar. Pode até ser o contrário. Mas o fundamental é que busque dar efetividade ao serviço público”.

Coesão

O DEM vai integrar formalmente a base de apoio do prefeito eleito Bruno Cunha Lima (PSD), até porque “não existe adesão” ao prefeito.

“Existe afinidade de propósitos e de comportamento”, emendou.

“Missão”

O novo parlamentar – que é funcionário do Banco do Brasil – disse ainda aos ouvintes que “não estou assumindo um emprego, mas uma missão”.

“Quero trabalhar para melhorar a vida das pessoas”, reforçou.

Concessões

O deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), relator da reforma tributária, prometeu aos partidos de oposição que apresentará na próxima semana seu parecer à proposta e incluirá no texto a tributação de dividendos, a proibição de dedução de juros sobre o capital próprio nos balanços e a tributação “progressiva” de herança e patrimônio.

Duas etapas

De acordo com o jornal Valor Econômico, o parecer do parlamentar paraibano à PEC (emenda constitucional) 45, que concretiza a mencionada reforma, vai assegurar esses pontos referidos, que serão regulamentados através de legislação própria posterior.

Situando

A reforma tributária tem como ponto central a unificação de cinco tributos (PIS, Cofins, IPI, ICMS e ISS) num Imposto sobre Bens e Serviços (IBS).

Da boca de…

“… Não me arrependo de nada do que fiz nos últimos quatro anos…” (vereador Galego do Leite, do Podemos/CG, que não conquistou a reeleição para o próximo quadriênio).

Despencada

Com base nas pesquisas recentes do Ibope, a pior queda na avaliação do governo Bolsonaro, entre as capitais do País, ocorreu em João Pessoa.

A avaliação “boa e ótima” do governo desabou de 43% para 30%, entre outubro e novembro, na capital paraibana.

As ´feridas´ abertas na campanha de JP provocarão um ´3º turno´...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube