Fechar

logo
logo

Fechar

Arimatéa Souza

sexta-feira, 09/02/2024

“As águas vão rolar…”

Boa notícia

Foi divulgada a autorização do Conselho Monetário Nacional (CMN) para a criação de uma linha emergencial – de crédito rural de custeio pecuário – com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) para produtores rurais afetados pela seca ou estiagem na área de atuação da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

A linha será destinada, segundo o ´Estadão´, a agricultores familiares enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), mini e pequenos produtores.

´Conterrâneo´

Na ´megaoperação´ de ontem da Polícia Federal relacionada à tentativa de golpe no Brasil após as eleições de 2022, foi recolhido o celular de Tércio Arnaud Tomaz, um paraibano ´da cozinha´ de Jair Bolsonaro, e que em 2022 foi candidato a suplente de senador na Paraíba, na chapa encabeçada por Bruno Roberto (PL).

Aporte

Os eventos religiosos que acontecem em Campina Grande neste período carnavalesco contam com uma ajuda financeira do governo estadual da ordem de R$ 250 mil – R$ 150 mil para a ´Consciência Cristã´ e R$ 100 mil para o Crescer.

Desfile

O chamado ´Carnaval Tradição´ foi contemplado pelo Estado com R$ 60 mil.

O detalhe

Os recursos foram da Secretaria de Cultura do Estado.

Marcha batida

O deputado estadual Sargento Neto informou que estão avançados os entendimentos para que o seu partido (PL) apoie a reeleição do prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (UB).

Professores

De forma consensual, o Poder Legislativo campinense aprovou na sessão de ontem o reajuste no piso do magistério municipal.

Por etapas

Serão 5% incorporados imediatamente à base salarial e 3%, em forma de abono, gradualmente agregados à remuneração ao longo dos próximos meses.

Extensão

Uma emenda ao texto oriundo do Executivo, aprovada consensualmente, estendeu o reajuste para aposentados e pensionistas do magistério.

Resgate

A passagem anual do chefe do Executivo pelas casas legislativas tem a ver com a recomendada prestação de contas do exercício anterior, do ponto de vista administrativo, e projeções para o ano que começa.

Garimpo

A seguir, trechos do que disse na última quarta-feira o governador João Azevedo Lins Filho na Assembleia Legislativa da Paraíba.

Horizonte

“Me apresento como agente político que norteia as ações do presente, vislumbrando um futuro melhor para os cidadãos do nosso estado.

“Mantra”

“E é nesta fusão de responsabilidades, aptidões, desejos e ações que ancoro minha mensagem anual (…) A palavra, o conceito, o eixo norteador, o mantra disseminado na gestão é a “paraibanidade”, interligada aos princípios democráticos aplicados desde primeiro de janeiro de 2019, época que já nos parece longínqua, pela aspereza dos trajetos e alívio das chegadas.

Consequências

“Embora domada pela ciência, os efeitos avassaladores da pandemia – não nos esqueçamos, jamais – continuam desafiando governos e sociedades, que buscam, em uníssono, compensar displicências, sacudir inércias e alterar posturas, valorizando a saúde do planeta e cuidando do bem-estar das pessoas. Esse é o ponto.

“Desafios”

“Sabemos dos desafios que nos aguardam, mas nada pode amedrontar ou travar quem batalha em prol dos seus com espírito público, método e disciplina.

Ano…

“Por aqui, felizmente, reina a paz e a governabilidade, únicos meios seguros para o pleno e contínuo desenvolvimento. O embate que se avizinha, o eleitoral, esse já aprendemos a lidar e conviver, sem afetar de forma direta planos, projetos e cronogramas. Eleições, como sempre, têm seu tempo de impacto, de envolvimento popular, mas estou convicto de que o espírito democrático deva prevalecer sobre quaisquer outros interesses.

… Eleitoral

“Temos uma democracia madura e um espírito pacífico. Apesar do natural acirramento dos ânimos, a Paraíba é um dos Estados que sempre deu exemplo de eleições bastante disputadas, até renhidas, mas, ao final das contas, pacíficas e ordeiras. As eleições passam, começam e terminam. Viram história. A Paraíba e o Brasil ficam, continuam e precisam ter mais futuro.

Pulo

“Nos últimos anos, por exemplo, o PIB (produto interno bruto) da Paraíba deu um salto de oito posições, superando as taxas dos vizinhos estados da região, alçando a nossa Paraíba da 18ª para a 10ª posição entre os estados brasileiros.

Competitividade

“Na avaliação de observadores independentes, somos o segundo Estado mais competitivo do Nordeste, abrindo portas para a chegada de novas empresas e empregos.

Atração

“O próprio Tesouro Nacional tem atestado essa eficiência fiscal nos outorgando a chancela de “Rating A” pelo terceiro ano consecutivo, o que significa dizer que somos bons pagadores e que temos elevada capacidade de crédito, numa demonstração clara de que estamos conseguindo atrair investimentos, gerar emprego e renda e manter um alto nível de crescimento.

Fruto

“Tudo isso, naturalmente, é resultado de uma política arrojada de equilíbrio fiscal, permitindo uma simbiose harmônica entre planejamento e execução. Um passo por vez, antes da linha de chegada.

“Ousadia”

“Vivemos o nosso melhor momento porque tivemos a coragem, a ousadia de quebrar paradigmas. Tiramos do papel o sonhado Polo Turístico Cabo Branco. Após 40 anos, já vislumbramos os alicerces de um novo momento do nosso turismo.

Servidores

“Investir em concurso público é oferecer serviço com mais qualidade, eficiência e continuidade. Entre editais publicados e concursos autorizados, em 2023, o Governo disponibilizou 3.389 vagas e nomeou 1.868 candidatos, aprovados para integrar os quadros da administração estadual. Desde o início da gestão em 2019, esse total chega a 4.215 servidores. Para este ano, só na área da saúde, estão previstas mais 2.000 vagas.

Repasse

“Fazemos questão de honrar o pagamento das emendas impositivas, que beneficiam diretamente os municípios e entidades sociais. Apenas em 2023, mais de 3 milhões de paraibanos foram beneficiados com investimentos de R$ 105 milhões, provenientes de emendas dos 36 deputados estaduais.

São João

“A Paraíba investiu 19 milhões nos festejos juninos do ano passado.

Intensidade

“Mas o futuro não demora a chegar e exige um ritmo intenso de ações e melhorias que promovam a transformação permanente. É nesse contexto que o Governo da Paraíba planeja e executa obras e ações que são fundamentais para acompanhar o crescimento, para ser sustentável e para assegurar dignidade ao nosso povo.

À espera de Lula

“Como já foi dito e provado, nada do que foi feito, nada do que se espera que façamos, poderá acontecer de forma unilateral. Projetamos continuar recebendo aportes federais – e até prevendo ampliação –, mesmo sabendo da difícil tarefa do presidente Lula em colocar o país de novo nos trilhos da normalidade econômica e do equilíbrio democrático.

Fecho

“Governo do povo, para o povo e pelo povo”.

Hein?

Ato falho ou não, o fato é que o presidente da Câmara de Campina, Marinaldo Cardoso (REP), se referiu ontem na sessão ao ´G7´.

Ou seja, acrescentou 1 edil ao bloco parlamentar ´independente´ criado naquela casa legislativa.

´Me diz aí´

“(o 7º) É tu Marinaldo?” – indagou prontamente a vereadora Jô Oliveira (PCdoB), com largo sorriso.

“Sete ou mais” – emendou outro edil (não identificado) fora do microfone.

“Tanto riso, oh quanta alegria…”

Para animar os congressistas, o governo federal prometeu pagar emendas parlamentares nesta sexta-feira.

A intenção é clara: amenizar a crise com a base aliada e com o presidente da Câmara Federal, Arthur Lira (PP-AL). Serão liberados os chamados “restos a pagar” de 2023.

Segundo o jornal Valor Econômico, ´as águas´ rolarão, porque as liberações passarão de R$ 2 bilhões.

Esponja: MDB e Nilvan Ferreira tratam de apagar as ´brigas´ do verão (eleição) passado...
Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube