Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

quinta-feira, 09/08/2018

Agora é ´olho no olho´

Desapontamento em números

A pesquisa CNT/MDA divulgada ontem, acerca da eleição pelo governo de São Paulo, contém números impressionantes.

Na intenção de voto espontânea – quando não são apresentados os nomes dos candidatos ao eleitor -, 65,9% dos entrevistados se disseram indecisos e 22,3% declararam voto branco ou nulo.

Deu um tempo

A presidência do Tribunal de Justiça da Paraíba determinou a realização de ´novos estudos´ à sua assessoria e tirou de pauta, ontem, a proposta de ´desinstalação´ de 15 comarcas na Paraíba.

Contracheque

Mesmo sem consenso interno entre os seus ministros, o Supremo Tribunal Federal aprovou ontem a proposta (a ser enviada ao Congresso Nacional) de reajuste nos próprios salários, que passariam dos atuais R$ 33.700,00 para perto de R$ 39 mil.

Pertinente

Trata-se de uma remuneração ainda pequena para o tamanho da responsabilidade que pesa sobre os integrantes da principal Corte do País.

Impacto

Na prática, essa alteração pode ser considerada ínfima para o Orçamento do STF: menos de R$ 800 mil anuais.

´Guarda-chuva´

Então qual seria o problema? É o tal do ´efeito cascata´, que obriga a aplicação do mesmo percentual em todas as carreiras jurídicas e ´análogas´: ministros de tribunais superiores, de tribunais regionais, juízes de todo o País, Polícia Federal, Ministério Público e por aí vai.

A conta

E assim, o impacto financeiro total está estimado em R$ 3 bilhões a mais por ano.

Recusa

“A questão principal de eu não ter incluído se deve à circunstância de o aumento do Supremo faz com que haja toda uma cadeia de aumentos em todos os órgãos do Poder Judiciário pra todos os magistrados, que é a grande preocupação que a gente tem”, ponderou a ministra-presidente Carmen Lúcia, que se recusou a inserir o reajuste no Orçamento do TF para 2019.

Da boca de…

“… PT e PCdoB, que sempre apontam o dedo para tudo e todos e acham que detêm o monopólio da virtude, relegaram Manuela D’Ávila (ex-presidenciável) ao papel mais esdrúxulo desta eleição: poste reserva do poste (Fernando Haddad). Falam tanto em feminismo, mas humilharam Manuela. Que vergonha!!…” (ex-deputado Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB).

Versos do…

Ainda sobre Manuela D’Ávila. Ela publicizou um poema de Carlos Drummond de Andrade para justificar a opção de abandonar a sua candidatura e ficar na “reserva do reserva” do PT.

… Recuo

“Estou preso à vida e olho meus companheiros/ Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças/ Entre eles, considero a enorme realidade/ O presente é tão grande, não nos afastemos/ Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas”.

Recomposição

Ao que se comenta nos bastidores políticos, até o dia 15 próximo o candidato a senador Roberto Paulino (MDB) anunciará a substituição dos dois suplentes anunciados no começo desta semana.

 

 

Palanque

“Eu entrei em campo para ser campeão. Então, a gente vai traçar todo mundo (…) Eu não sou o patinho feio. Eu sou o patinho horroroso. Agora, eu estou há quatro anos viajando pelo Brasil. Vendo os problemas, possíveis soluções”.

Presidenciável Jair Bolsonaro, do PSL.

Prego batido

Com a participação direta da direção nacional do partido – leia-se ministro Gilberto Kassab -, o PSD na Paraíba consolidou o lançamento da candidatura a deputada federal da vereadora campinense Ivonete Ludgério.

´Oxigênio´

A direção do partido vai, inclusive, destinar recursos do fundo eleitoral para ajudar na estruturação da campanha de Ivonete.

Na majoritária

Ainda sobre Ivonete. O PP cogitou o nome da parlamentar como uma das alternativas para a suplência da deputada Daniella Ribeiro na disputa para o Senado.

Na ponta do lápis

Os presidenciáveis do PSDB, do PT e do MDB ocuparão cerca de 85% do tempo de propaganda no rádio e na TV.

Na Capital

No próximo dia 16 será entregue à população de João Pessoa o maior hospital de olhos da Paraíba, localizado no bairro Mangabeira.

´Quatro mãos´

Trata-se de uma parceria entre o Instituto Banco de Olhos da Paraíba, ligado ao Lions Clube, e a Unifacisa, através da Faculdade de Ciências Médicas.

´Brinde´

Acertada a disputa da reeleição por parte da vice-governadora Lígia Feliciano (PDT), a celebração do acordo ocorreu com um jantar na Granja Santana, na noite da última sexta-feira.

Largada

A sucessão presidencial começa a esquentar na noite de hoje, com o mais tradicional debate televisivo das campanhas nacionais: o da Rede Bandeirantes.

Táticas

Oito postulantes vão estar diante dos telespectadores pela primeira vez na atual campanha, começando a revelar as estratégias de cada um deles e seus adversários pragmaticamente preferidos.

Presenças

São eles: Álvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede), Jair Bolsonaro (PSL), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meireles (MDB) e Ciro Gomes (PDT) – esse será o posicionamento deles no debate.

A ´sombra´ dos ausentes

O debate da Band também servirá para se aferir o grau de invocação a ´dois fantasmas´ que deverão permear esse processo: o ex-presidente Lula (provavelmente não será candidato) e o presidente Temer (MDB), cujo desgaste virou uma espécie de maldição para os seus aliados.

 

O que o PR/PB está achando da disputa para a Câmara Federal?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube