Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

sexta-feira, 13/12/2019

A reboque dos fatos

Os ´sem mídia´

A maior parte dos municípios brasileiros, 62,6% do total, são “desertos de notícias” – onde não há veículo local de imprensa para informar a população sobre o que ocorre na cidade.

Nessa situação, conforme o ´Estadão´, vivem 37,4 milhões de pessoas.

No caso do Nordeste, são 73,5% dos municípios.

Pior ainda na Paraíba: 81,6% das cidades.

Recomeço

O MDB de Campina Grande, através de sua sumida presidente, médica Tatiana Medeiros, anunciou ontem que deverá realizar convenção municipal ainda este mês para converter a comissão municipal provisória em diretório municipal.

Aceno

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) comunicou ontem que a reforma tributária será a prioridade do Congresso Nacional no começo do ano legislativo de 2020.

´Bicudos´

Está rolando um clima tenso entre diretores da Associação Comercial de Campina Grande e CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), por conta das novas indicações feitas para o cargo de ´vogal´ da Junta Comercial do Estado, já publicadas no Diário Oficial.

Sinal dos tempos

O banco brasileiro BMG, com sede em Minas Gerais, será um dos patrocinadores do Barcelona da Espanha na próxima temporada europeia.

Bola rolando

Já está reaberto o amplo espaço comercial no centro de Campina Grande (avenida Floriano Peixoto) onde por muitos anos funcionou o supermercado Balaio (antiga rede Walmart).

O detalhe

O novo empreendimento é Freitas Varejo, do segmento de utilidades domésticas e que tem sede em Fortaleza (CE).

Concorrência…

A gigante do comércio eletrônico Amazon anunciou para breve a instalação de um centro de distribuição em Cabo do Santo Agostinho, na região metropolitana do Recife.

… Mais próxima

A intenção é promover entregas rápidas e gratuitas em Recife, Maceió, Natal e João Pessoa.

Sobrenome

O senador Rogério Carvalho (PT-SE) contratou Lurian Cordeiro Lula da Silva, filha do ex-presidente Lula, como ´assistente parlamentar´ em seu gabinete.

Da boca de…

“… Podem tirar os cargos que não quero nada. Podem demitir todo mundo…” (deputado paraibano Wellington Roberto, do PL {antigo PR}, ao externar a sua impaciência com a demora na nomeação de aliados para cargos no governo federal).

Designação

Portaria do presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, designou a competente advogada e professora campinense Danielle Patrícia Guimarães Mendes para integrar a Comissão Especial de Direito Tributário, na qualidade de ´membro consultora´.

Ano novo

Os trabalhadores da área da educação da prefeitura campinense aprovaram, ontem, em assembleia geral, um indicativo de greve para o início do próximo ano.

Foco

A direção da empresa Alpargatas (sandálias Havaianas) informou que a prioridade para expansão de vendas é o mercado chinês.

O ´capitão´

“Nas universidades brasileiras se faz de tudo, menos estudar”.

Presidente Bolsonaro, ontem, em visita ao Tocantins.

Resgate

A edição de ontem de APARTE foi concluída com a seguinte expressão: “João e aliados estão pagando pra ver”.

Protesto ao vivo

Pois bem, de forma inusitada e surpreendente, dezenas de policiais ocuparam na manhã de ontem o plenário da Assembleia Legislativa para demonstrar a insatisfação com a celeridade da tramitação do projeto de reforma da Previdência, apesar de já existir uma decisão judicial sustando essa tramitação.

Materialização

Era como se o tumulto no plenário certificasse, à base de muito barulho e tensionamento, o crasso erro estratégico do governo e de sua base parlamentar.

Fala pra ´convertidos´

Mesmo assim, serenados os ânimos e assegurada a realização de audiências públicas (a 1ª será na próxima 2ª feira), o deputado-presidente Adriano Galdino (PSB) ensaiou um discurso redentor: “No final, saímos maiores, porque conseguimos mostrar para eles (protestantes) que o nosso trabalho precisa continuar”.

Cartilha

Diante do acordo costurado na tensão de um plenário quase irrespirável, a deputada Pollyanna Dutra, presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), avisou que “vou seguir toda a sequencia regimental”.

Mastigar

“Um projeto dessa amplitude tem que ser amplamente discutido. E é nesse parlamento que é preciso exercer esse protagonismo. Não podemos discutir com a população depois de aprovado. O projeto tem que ser extensamente discutido. Qual o problema nisso?”, discorreu a socialista.

Etapas

Pollyanna enfatizou ainda que “eu sou favorável à legalidade, eu sou regimentalista. Um projeto que entra na Assembleia tem que obedecer um rito processual. Não se pode se discutir um projeto como esse a toque de caixa”.

Outra ótica

Líder do bloco oposicionista, o deputado Raniery Paulino (MDB) avaliou que “a CCJ tem sido um ambiente de cometimento de várias ilegalidades”.

Impasse exportado para Brasília

Tumulto à parte, o Governo da Paraíba ingressou ontem no Supremo Tribunal Federal com uma Ação de Suspensão de Segurança contra a decisão do Tribunal de Justiça que sustou a tramitação da reforma previdenciária na ALPB.

Esse tipo de ação pressupõe ´manifesto interesse público´ ou ´flagrante ilegitimidade´.

Por ora, o que se pode atestar é flagrante ausência de bom senso na estratégia governamental.

Ex-secretário Ivan Burity foi solto: espaço para caminho inverso...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube