Fechar

Fechar

Arimatéa Souza

terça-feira, 20/09/2016

A maldição de Cunha

As pessoas se revelam

Walter Brito Neto (PEN) abriu ontem a rodada de entrevista com os candidatos a prefeito de Campina Grande promovida pela Rádio Caturité no horário do Jornal da Manhã (8h15).

“As pessoas mostram, de fato, quem são quando elas estão exercendo um mandato, porque estão sob pressões e sob observações públicas”, assinalou.

A seguir, algumas de suas declarações.

Sem vocação

“Romero (Rodrigues) não tem vocação para a gestão pública. Campina Grande afundou totalmente nas finanças. A cidade vive numa gestão deficitária há mais de 10 anos.

Incoerência

“A prefeitura não pode ser um meio (para Veneziano) de continuísmo político, tão combatido por ele próprio. A reeleição e a continuação de grupos só criam vícios.

Inexperiente

“(Artur) Bolinha não tem experiência de exercício de mandato. Isso é muito ruim para quem quer ser gestor público.

Na superfície

“Não conheço a gestão (de Adriano Galdino) como prefeito de Pocinhos. Ele tem um discurso raso, sem profundidade.

Ultrapassado

“David Lobão faz uma política ultrapassada de esquerda. E a esquerda já causou muitos prejuízos ao País”.

2º turno

“Não vou ficar fora de nenhum momento desse processo eleitoral”.

IPTU

WBN defendeu o Imposto Predial e Territorial Urbano “progressivo”, como forma de “coibir a especulação imobiliária”.

O da vez

Conforme a ordem do sorteio prévio, o entrevistado de hoje na ´Caturité´ é o prefeito Romero Rodrigues (Coligação Por Amor a Campina).

Ilegitimidade

“Não me vejo representado, enquanto cidadão, por esses grupos políticos que aí estão, que pensam demais neles e menos na cidade”.

Foi o que disse ontem o candidato a prefeito Artur Bolinha (Coligação Por Campina, por você), em entrevista à TV Paraíba.

Carência

Segundo ele, “temos que ter um prefeito que veja a gestão e respeite o cidadão”.

Replay

Ao longo dos últimos três dias o programa (guia eleitoral) do candidato a prefeito Adriano Galdino (Coligação Pra Mudar Campina) foi integralmente repetido.

Algo estranho para uma reta final de campanha.

Na Serra

Ricardo Coutinho entrega hoje o asfaltamento da rodovia Campina/distrito do Jeninapo, e participa de atividade política do PSB e coligados.

Artilharia

Ao que se informa, o programa do candidato Veneziano no guia eleitoral vai intensificar ainda mais, nos próximos dias, os ataques à gestão municipal.

 

Peemedebista

Veneziano (Coligação Campina Pensando Grande), por sinal, é o entrevistado de hoje no programa ´Ideia Livre Política & Economia´, que começa às 22 horas na TV Itararé.

Da boca de…

“… Acompanhei toda a sua trajetória de luz, espargindo poesia em tudo que era canto, e, por outro lado, dividindo seus sonhos com amigos e admiradores, que foram incontáveis e incansáveis nos aplausos e na admiração…” (acadêmico Evaldo Gonçalves, sobre o poeta José Laurentino, que morreu na semana passada).

Fadiga

Ao participar ontem da 1ª rodada da série de entrevistas do telejornal Itararé Notícias (TV Itararé, canal 18.1, digital, e 19, analógico), com os prefeitáveis campinenses, Adriano Galdino (Coligação Pra Mudar Campina) afirmou que a cidade “está cansada dessa gangorra política entre o atual prefeito e o anterior (…) Por sinal, ambos são parecidos, quase iguais”.

Ideia fixa

“Esses dois grupos (PMDB e PSDB) só têm um objetivo: o fortalecimento para disputar daqui a dois anos o governo estadual”, verbalizou o socialista.

Sem arrependimento

O candidato não identificou qualquer ônus eleitoral por conta de seu público apoio à ex-presidente Dilma: “Eu nunca escondi a minha preferência pela presidente, e não estou arrependido. Se tivesse de optar ainda hoje, optaria por Dilma presidente. Não vi nenhum motivo (para que ela fosse afastada). Acho que a Constituição foi desrespeitada”.

2ª rodada

O entrevistado de hoje no ITN Notícias é o prefeito Romero Rodrigues.

Às 18h30, na TV Itararé.

Última forma

Ainda sobre Romero, a sua assessoria divulgou ontem a informação de que a coligação que o prefeito lidera não promoverá carreata nas eleições deste ano.

Impeditivo

“Não temos o direito de interferir, perturbar ou simplesmente alterar a rotina dos cidadãos para atender nossos interesses eleitorais”, assinala a carta assinada por Romero.

Razões

“Compreendemos que as pessoas têm o direito de não serem importunadas em suas rotinas; de que o trânsito da cidade, mesmo num dia como o domingo, não precisa se transformar num palco para um show de irregularidades de todos os tipos; que problemas como poluição sonora ou sujeira das vias públicas não justificam qualquer ataque ao meio ambiente e que até os custos econômicos envolvendo a realização de uma carreata, para a própria militância e a campanha, tornaram-se proibitivos e desnecessários”, discorre Romero em outro trecho de sua missiva.

Cunha e os “traidores”

Ao jornal ´Estadão´, o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) mirou dois parlamentares paraibanos ao comentar as ´traições´ que sofreu quando da votação de sua cassação, na semana passada.

– Houve ali hipócritas. Aguinaldo Ribeiro (líder PP), que passou a madrugada antes da votação me ajudando, e Manoel Junior (PMDB-PB), responsável por grande parte da minha defesa no Conselho, jamais poderiam ter votado contra mim. Mas o tempo os espera. A política detesta traidor – acentuou Cunha.

Parece que falta ´estrumo´ nos jardins serranos dos ´girassóis´...
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube