Arimatéa Souza

sábado, 09/01/2021

A majoritária suplência

´Num piscar de olhos´

O vereador Alexandre Pereira (PSD) afirmou, em entrevista à TV Itararé (canal 18.1), que irá reapresentar a proposta que permite a implantação de postos de abastecimento de combustíveis em áreas como supermercados, shoppings e hipermercados de Campina Grande.

Segundo o parlamentar, o arquivamento ocorreu em dezembro último “numa votação relâmpago, já no apagar de luzes de 2020”.

Contra o povo

“Infelizmente, a legislatura anterior, naquele momento, achou por bem de dizer a Campina Grande que a cidade não tinha o direito de pagar um preço justo ou ter uma livre concorrência” nesse comércio, grifou Alexandre.

180 segundos

“O projeto foi apreciado e rejeitado em três minutos”, lamentou.

Publicado

Com (apenas) 10 vetos de emendas parlamentares, o governador João Azevedo (Cidadania) sancionou o Orçamento do Estado para 2021, estimado em R$ 13 bilhões e 317 milhões.

Largada

É bom registrar que 2021 é o ano inaugural, em termos de Paraíba, das chamadas emendas impositivas – as que são obrigatoriamente empenhadas e pagas, originárias dos parlamentares.

Cota-parte

Serão R$ 40 milhões 752 mil divididos entre os 36 deputados (R$ 1 milhão 132 mil para cada um), sendo que 50% desse valor terá que ser obrigatoriamente canalizado para a área da saúde pública.

Boa noticia

A multinacional americana Biogen informou que pretende colocar no mercado mundial, ainda este ano, um remédio contra a doença de Alzheimer.

O detalhe

O medicamento chama-se aducanumabe e já foi apreciado pela agência reguladora de medicamentos e alimentos dos Estados Unidos.

Da boca de…

“… Não vamos tirar direitos de ninguém na legislação trabalhista, mas precisamos de um regime extraordinário de um ou dois anos…” (Paulo Guedes, ministro da Economia).

Como é?

De acordo com a revista Época, o Palácio do Planalto decretou sigilo “de até 100 anos” nas informações sobre vacinação que envolvam o presidente Jair Bolsonaro.

Preliminar

“Estranhamos profundamente a Secretaria de Saúde ter uma unidade de licitação para obras”.

Prefeito Cícero Lucena (PP-JP), sinalizando ´cenas do próximo capítulo´.

O ´capitão´

“Se não tiver voto impresso, posso esquecer a eleição de 22”.

Bolsonaro, em conversa com apoiadores.

Inanição

A oposição na Assembleia Legislativa esteve reunida, anteontem, e atestou que a inexistência de sessões presenciais está sendo fatal para a já minoritária bancada.

Intermediária

A decisão foi pressionar a mesa diretora da ALPB para que adote – pelo menos – a modalidade híbrida, permitindo o comparecimento ao plenário de quem não integra o ´grupo de risco´.

Já em uso

“Defendemos, como já vem ocorrendo em outros estados, a forma mista de trabalho. Quem for do grupo de risco que continue trabalhando em casa, de forma remota, e os demais que voltem ao trabalho”, verbalizou o líder do bloco, deputado Cabo Gilberto (PSL).

Retomada

“É preciso estarmos de volta à tribuna, um importante espaço democrático e de defesa dos paraibanos”, ecoou a deputada Camila Toscano (PSDB).

Só lembrando

Além de Camila e Gilberto, integram a oposição na ALPB os deputados Wallber Virgolino (Patriota), Tovar Correia Lima (PSDB), Anderson Monteiro (PSC), Galego de Sousa (Progressistas), Dra. Paula (Progressistas), João Henrique (PSDB), Moacir Rodrigues (PSL) e Bosco Carneiro (Cidadania).

Da boca de…

“… A democracia não tem lugar para os que dela abusam…” (ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal).

Sábado é dia de poesia

“Quem dera ter você de novo/ De novo, chegando/ Quem dera ter você agora/ De novo, me amando/ Gostoso era o tempo de lua na beira do mar/ Cafuné na rede, um chamego daqui, um chamego de lá (…) Mas quem é que não sente saudade do tempo que foi tão feliz” (música que fez enorme sucesso na voz de Genival Lacerda).

Convocada

Nova mudança na representação paraibana no Senado Federal.

O senador José Maranhão (MDB) formalizou o seu pedido de afastamento por 121 dias, para dar sequencia ao tratamento da Covid 19, abrindo espaço para a suplente Nilda Gondim (MDB).

O detalhe

No pedido inicial, JM requereu em dezembro o afastamento por apenas 24 dias.

Serranos

Algumas particularidades em breve: no começo do ano legislativo (fevereiro) todos os senadores paraibanos serão de Campina Grande: Veneziano (a caminho do MDB), sua mãe Nilda e Daniella Ribeiro (PP).

Incomum

Igualmente não é habitual mãe e filho ocuparem simultaneamente cadeiras no Senado.

Sem titulares

No curto prazo, a constatação de que no momento a Paraíba será representada apenas por suplentes: Nilda, Nailde Panta (no lugar de Daniella) e Ney Suassuna (substituindo Veneziano).

De volta ao cofre

Por falar em Nailde – professora aposentada da rede municipal de João Pessoa, 65 anos -, ela abriu mão da verba de R$ 33.763,00 a título de ´auxílio-mudança´, uma vez que ficará no cargo por menos de 20 dias.

Parece que um ´pijama listrado´ espera por Trump...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube