Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

sexta-feira, 16/11/2018

A LRF está ´balançando´

Sem advento

O mês de novembro me traz à tona uma densa carga emocional e a indomável sensação de perdas acumuladas, de impossível reposição no plano material.

Em anos distintos e recentes, nessa quadra do dito calendário gregoriano, se foram (por ordem) meu pai e minha mãe.

É como se a orfandade tivesse data certa para subtrair do alcance da visão o que inocula na eternidade.

Partida

No dia 15 de novembro de 2015 se foi a minha mãe, no momento em que interiormente me preparava para vê-la voltar a andar e ser senhora de seus passos e de seus destinos, após uma cirurgia exitosa para libertá-la de 18 meses de plena imobilidade.

Reversão

A conversão de esperança em luto foi súbita e perfurante na alma. Para quem sonhou e aguardou vê-la retomando o exercício da liberdade de locomoção, de uma hora para outra se deparar com ela na frieza e na imobilidade de um ataúde foi uma imagem vista por olhos marejados, coração dilacerado, e só suportada pela proteção divina.

Tessitura

Esse hiato de três anos provoca reações múltiplas, que se desatam ao sabor do avanço da cronologia.

Acervo

A distância temporal tem me oferecido cotidianamente a dimensão precisa e cumulativa do maior e mais indelével legado dos meus pais: a força e o patrimônio que representam os ensinamentos acumulados pela vida afora.

A força…

Do meu pai (João Lopes) à sua diária lição de humildade se somavam as doses de tolerância e paciência, que, ao mesmo tempo, desnudava seu caráter e sua índole.

… Do exemplo

Para ele, os gestos diziam muito mais do que as palavras.

Volume de voz para ele não era convencimento. Era constrangimento.

Tradução

De seu comportamento modelei a frase que recorrentemente utilizo: a vida é feita de gestos!

Aglutinação

Minha mãe (Dona Madalena) era um caso exemplar do indeclinável exercício da postura matriarcal, mas sem perder de vista uma cumplicidade latente.

Reagir

Ela nunca me impediu de errar e de cair. Mas sempre verbalizou a imperiosa necessidade de levantar, reparar e prosseguir.

Determinação

Já contei várias vezes a pessoas próximas a razão de não saber andar de bicicleta.

É que minha mãe avisou, quando criança, que só poderia apreender a guiar quando fosse possível comprar uma para mim. Só muitos anos depois as condições surgiram, mas a página da infância já estava virada.

Essencial

Noutra vertente, nas séries iniciais do antigo ginásio (hoje ensino fundamental), uma norma familiar foi quase dogmática, novamente por ela fixada: nos primeiros meses de cada ano qualquer despesa extra estava suspensa até o pagamento de todos os livros necessários ao meu ano letivo.

Discernimento

Nas duas ações acima relatadas, uma iletrada senhora ensinou a ´pedagogia das prioridades´, e que o aprendizado pode fazer a diferença na vida das pessoas.

Faróis

Passados esses anos, a distância da convivência me mostra também o quanto eles permanecem introjetados dentro de mim, dando-me a vigorosa sensação de que prosseguem imperceptivelmente guiando minha vida.

Fio condutor

Quando me deparo com situações menos usuais a serem enfrentadas, vem à mente quase instintivamente um balizador definitivo: se meus pais estivessem presentes, como procederiam?

E ao caso concreto aplico essa linhagem comportamental.

Transitoriedade

As lágrimas vertidas periodicamente, que certificam a lacuna de quem partiu a chamado do Pai, circunstância batizada pela língua portuguesa de saudade, tem igualmente uma porção de egoísmo, porque que cada um de nós tem etapas e missões a cumprir na vida terrena.

A voz da alma

Melhor se guiar pelas sábias palavras do filósofo alemão Arthur Schopenhauer: “Sentimos a dor mas não as suas ausências”.

´Baraúna´

A paraibana (eleita por São Paulo) Luiza Erundina (PSOL) será a deputada mais idosa a tomar posse em 1º de fevereiro de 2019, aos 84 anos.

“Esse mandato eu quero fazê-lo muito voltado para os idosos, na defesa dos direitos desse segmento”, avisou.

Devolução

O empresário Artur (Bolinha) Almeida informou à Coluna que entrega a gestão da Rádio 101 FM/CG (antiga Cariri) no próximo dia 30 à família Ribeiro.

Da boca de…

“… É muito difícil para todos nós, porque o país está azedo, mal-humorado (…) Sou uma pessoa que trabalha o tempo inteiro, um alucinado. Não tiro férias, sei que não é certo, mas minha cabeça não para (…) Chego sempre ao trabalho com entusiasmo…” (Ancelmo Gois, do jornal O Globo. 55 anos de profissão).

Passivo

Em levantamento recente, a concessionária de energia Energisa identificou que quase 60 prefeituras da Paraíba estão com contas de energia em aberto e não pagam os faturamentos mensais em dia acumulando um débito superior a R$ 6 milhões.

Bola fora

Para ser ameno com o vereador campinense Saulo Noronha (SD), qualifico como inoportuno o seu projeto de conceder precipitadamente a cidadania campinense ao presidente eleito Jair Bolsonaro.

É só olhar

Certamente, se o parlamentar observar em seu derredor, encontrará pessoas (desconhecidas de grande parte da população) que estão a merecer o reconhecimento pela dedicação que silenciosamente conferem a Campina e ao seu povo.

Movimentação

Os governadores eleitos já começaram a costurar uma mudança na Lei de Responsabilidade Fiscal, informa o jornal O Estado de São Paulo.

Funcionalismo

A mudança passaria por mais tempo para os Estados se enquadrarem no limite de 60% de comprometimento das receitas com o pagamento de despesas de pessoal previsto na LRF.

Uniformização

Nas conversas preliminares, a equipe econômica do novo governo aponta como contrapartida a padronização da forma de registro das despesas de pessoal.

Dados imprecisos

Atualmente, muitos Estados não incluem diversas despesas, como auxílio-moradia, gastos com pensionistas, Imposto de Renda sobre a folha e outros itens, prática que acaba mascarando a real situação das contas públicas dos governos regionais, ainda conforme a publicação.

Em tempo. O Tesouro Nacional informou que 14 Estados estouraram o limite de comprometimento de gastos com pessoal previsto na LRF.

Vai sair do papel o novo Centro de Convenções de Campina?...
Share this page to Telegram

Arquivo da Coluna

Arquivo 2019 Arquivo 2018 Arquivo 2017

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube