Fechar

logo

Fechar

Morte de criança em Campina: vítima sofreu várias agressões

Da Redação. Publicado em 1 de julho de 2021 às 17:15.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Na manhã desta última quarta-feira, 30, uma criança de dois anos foi espancada até a morte, no bairro do Pedregal, em Campina Grande. Os principais suspeitos do crime são a mãe e o padrasto do menino.

Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, 1, a delegada de Homicídios de Campina Grande, Suelane Guimarães, repassou detalhes sobre o caso e informou que houve ação contundente.

Em depoimento, a mãe da criança falou que o padrasto teria dado uma tapa nas costas do menino e ela não fez nada. Já o padrasto disse que a mãe bateu muito na criança, a jogou no colchão e foi dormir logo depois e a testemunha ocular, que estava presente no local, afirmou que ambos o agrediram.

Após bater na criança, a mulher teria ido dormir tranquilamente, levantado-se para dar comida ao menino, que se negou e foi ameaçado de morte caso não se alimentasse. Em seguida, a criança foi agredida novamente, jogada no colchão e a mãe voltou a dormir.

No início da manhã do outro dia, segundo o padrasto e a testemunha, a mulher levantou para ir ao banheiro, passou pela criança, que já estava fria e apresentando rigidez cadavérica, e segundo o padrasto, sorrindo, a mulher chegou perto dele e falou que a criança estava morta.

Ele afirmou ter se desesperado e carregado a criança no braço para fora da casa, e apenas depois, a criança foi levada para o Hospital de Trauma.

 

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube