Fechar

logo

Fechar

Presidente nacional do PT comete gafe e ex-gestor da Paraíba não tem filiação confirmada

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 23 de junho de 2021 às 17:06.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Foto: Reprodução/Redes Sociais

A presidente da executiva nacional do PT, Gleisi Hoffmann cometeu uma gafe através das redes sociais ao publicar, nesta quarta-feira (23), uma foto do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), ao lado da esposa Amanda Rodrigues, que foi confundida com a ex-primeira-dama do Estado, a jornalista Pâmela Bório, com a qual ele vem travando vários processos na Justiça e se separou há sete anos.

O reparo foi feito de imediato pela presidente ao receber diversas críticas por não conhecer “intimamente” o amigo, que tem a ex-mulher como desafeto. O ex-governador esteve em Brasília, nessa terça-feira (23), onde manteve um encontro com a cúpula do PT.

“Conversamos sobre a política da Paraíba e do Brasil, mais vacinas, auxílio emergencial e o enfrentamento ao governo da morte”, postou Gleisi Hoffmann solicitando que Ricardo Coutinho e a esposa, Amanda, voltassem sempre.

O encontro também contou com a presença do deputado federal Paulo Teixeira, que tratou de dissipar as especulações de que o Ricardo Coutinho já estaria de malas prontas para o PT.

Segundo ele, Ricardo fez apenas uma visita e aproveitou para fazer a entrega de um livro com as ações do PSB na Paraíba.

“Ele esteve em Brasília para participar da filiação do governador do Maranhão, Flávio Dino ao partido e do deputado Marcelo Freixo, mas não tratamos da filiação dele e não há nenhuma tratativa dessa natureza. Foi uma conversa protocolar com trocas de informações. Foi esse o objetivo”, destacou Teixeira.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube