Dom Dulcênio: “Pratiquemos a caridade em suas várias frentes”

Da Redação com Pascom. Publicado em 3 de junho de 2021 às 22:30.

Paraíba Online • Dom Dulcênio: “Pratiquemos a caridade em suas várias frentes”

Foto: Pascom/CG

Este é o segundo ano consecutivo que a solenidade de Corpus Christi acontece de forma diferenciada.

Ao que tradicionalmente sempre estivemos acostumados, com as procissões realizadas pelas paróquias, os emblemáticos tapetes, a multidão nas igrejas.

Em virtude da pandemia, nada disso foi possível. Contudo, a Igreja não deixou de celebrar este solene e grande dia para a liturgia católica.

Na Catedral de Campina Grande, o bispo Dom Dulcênio Fontes presidiu a Santa Missa, no final da tarde, nesta quinta-feira, tendo o padres Luciano Guedes e João Paulo concelebrando este momento.

30% da capacidade do templo foi disponibilizada e os fiéis participaram deste rico momento de fé.

Na homilia, Dom Dulcênio falou sobre o poder da Eucaristia que purifica e une os fiéis, destacou os valores espirituais deste sacramento, sendo este o sinal capaz de unir e limpar as impurezas do homem, ligando-o a Deus.

“Neste processo profundo e eficaz de purificação, o Sangue de Jesus quebra as arestas do nosso coração para unirmo-nos sempre e sempre mais a Ele. Assim, a Eucaristia é elemento insubstituível de purificação e de união com Deus e com a Sua Igreja. Recordemo-nos de que o Corpo e o Sangue de nosso Senhor recebidos por nós na Santa Missa igualmente são conhecidos por nós pelo nome de “comunhão”, estabelecendo-nos na vida de Deus, que Se estabelece nos diversos âmbitos da vida humana”, ensinou.

Paraíba Online • Dom Dulcênio: “Pratiquemos a caridade em suas várias frentes”

Foto: Pascom/CG

Prosseguiu sua reflexão ensinando que a comunhão eucarística não é um movimento apenas ascendente do homem na sua união com Deus, mas, por meio do Sacramento do Altar, o próprio Senhor congrega o povo eleito num só corpo: “A Eucaristia tem um papel peculiar: o de renovar, fortalecer, aprofundar esta incorporação já feita no nosso Batismo”, enfatizou.

O bispo, por fim, recordando o referido Mistério de Cristo presente na hóstia consagrada, desejou que, pela Eucaristia, purificados e livres, não cessem de praticar a caridade: “Pratiquemos a caridade em suas várias frentes, porque para isto nos urge o Sacramento do Altar”, concluiu.

Ao final da celebração, o Santíssimo Sacramento foi exposto e, após breve momento de adoração, o bispo abençoou a todos.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube