Diretor da Coteminas-PB comenta falta de matéria-prima para a indústria

Da Redação*. Publicado em 11 de junho de 2021 às 10:56.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Em entrevista à Rádio Caturité FM, nesta quinta-feira, 10, o diretor do Grupo Coteminas na Paraíba, Magno César Rossi, falou sobre a realidade do setor produtivo brasileiro que vem sofrendo com a falta de insumos para produção em geral.

Segundo o líder, que também é um dos diretores da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep), isso não foi de imediato à chegada da pandemia, mas precisamente na volta dos setores econômicos após um tempo de portas fechadas.

– Para falar disso, temos que voltar no tempo ao menos 12 ou 13 meses. Para ser mais preciso, ali no mês de março do ano passado, quando houve aquela parada brusca da economia por conta da chegada da pandemia, a indústria foi usando as reservas de estoque dos setores. Mas, mais ou menos em julho, quando houve a retomada do funcionamento do comércio (frente que puxa a indústria), as matérias-primas já haviam sido consumidas e, nesse tempo, já houve um primeiro desabastecimento – comentou.

Segundo o diretor, outro ponto prejudicial à retomada plena foi a alta nos preços de diversos materiais.

– Impacto extremamente negativo. Só para que vocês tenham uma ideia, no setor têxtil a crise se aflora pela demanda de embalagens. No ano passado, pela falta de produtos, a produção de embalagens que nós confeccionamos e eram enviadas aos comércios simplesmente retornavam porque não existiam produtos. Nós chegamos a reutilizar essas embalagens que voltavam – lamentou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube