Deputado se defende e afirma que apenas revidou declaração infeliz da senadora Daniella Ribeiro

Da Redação/Haceldama Borba. Publicado em 23 de junho de 2021 às 20:55.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O deputado estadual Wallber Virgulino (Patriotas) afirmou que não arreda uma vírgula do que disse em defesa da reunião da oposição contra a senadora da República, Daniella Ribeiro (PP).

“O que eu fiz foi revidar uma declaração infeliz da senadora. Na minha ótica ela foi desrespeitosa ao querer sensacionalizar uma reunião com uma crise pandêmica no Brasil. E isso eu não aceito”, disse.

Em relação ao pedido de desculpas da secretária de Estado, Lídia Moura, ele disse que a respeita muito, mas que ela não exigiu isso do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSN) quando ele “Desviou bilhões” da saúde e da educação da mulher, quando não investiu na segurança pública para combater a violência contra a mulher.

“Ela deveria usar o cargo para cobrar do governo que ela faz parte seriedade na aplicação do dinheiro público. Nós passamos por um escândalo na Operação Calvário e eu não vi a senadora e muito menos a secretária cobrar posições concretas e probas das pessoas as quais estrão ligadas”, disse.

O deputado enfatizou que respeitas todas as mulheres paraibanas com suas ações e todas sabem dentro da Assembleia Legislativa a postura que tem em relação à defesa das mulheres.

“O que eu digo, eu cumpro e não retiro um milímetro do que disse. Eu não vou admitir nenhum tipo de insurgência, que venha querer utilizar politicamente o meu nome”,ressaltou.

Por fim, completou dizendo que Lídia Moura é apenas uma caixa de ressonância do que diz o secretário Nonato Bandeira e o próprio governador João Azevedo ao qual faz oposição no Legislativo.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube