Campina Grande não tem registrado queda na 2ª dose da AstraZeneca, diz secretário

Da Redação. Publicado em 9 de junho de 2021 às 17:15.

Algumas cidades estão enfrentando quedas na busca pela aplicação da segunda dose da vacina contra Covid-19 da AstraZeneca, devido aos relatos de reações adversas, apesar do fenômeno ser comum para qualquer medicamento do tipo, segundo especialistas.

O problema, no entanto, não está ocorrendo em Campina Grande, pelo que confirmou o secretário de Saúde da cidade, Filipe Reul, em entrevista a uma emissora de rádio local.

De acordo com ele, as pessoas têm buscado sim as unidades de vacinação, sejam elas drive thru ou pontos físicos, para tomarem suas doses de reforço até mesmo antes do tempo previsto.

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

“Temos colocado essa vacinação em unidades e centros de saúde e as pessoas têm procurado receber a segunda dose do imunizante da AstraZeneca, tem fluído bem essa vacinação. Isso é muito positivo para que essas pessoas possam finalizar o seu ciclo de imunização e se protegerem contra à Covid-19”, completou.

Por fim, o gestor destacou que o Ministério da Saúde tem encaminhado frequentemente doses da vacina e que, diferentemente do imunizante CoronaVac, não está ocorrendo nenhum problema ou atraso na aplicação.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube