Governador: “Não haverá flexibilidade em novo decreto”

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 18 de maio de 2021 às 15:05.

Com o término do decreto nº 41.219 de 30 de abril, que prorrogou as medidas temporárias e emergenciais de prevenção de contágio pelo Novo Coronavírus (COVID-19), o governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania) deverá baixar um novo decreto com medidas mais severas, conforme adiantou à imprensa de João Pessoa.

A previsão é de que o novo decreto seja publicado nesta quinta-feira (20). Azevêdo não quis antecipar quais as medidas irão ser adotadas com mais rigidez, mas admitiu que não haverá flexibilização.

“Eu só tomo decisões baseadas exatamente nas informações que nós temos, mas posso garantir que não haverá flexibilização de absolutamente nada”, destacou.

Foto: Secom/PB

Foto: Secom/PB

O governador garantiu ainda que o que poderá acontecer nesse novo decreto será algumas restrições em determinados municípios que voltaram para as bandeiras vermelhas por conta do aumento do número de pessoas que contraíram o vírus nestas últimas semanas.

“É importante entender que a gente só pode flexibilizar se a tendência fosse de queda e nós não estamos mais com essa tendência de queda. Houve uma reversão na curva. Nós estamos subindo novamente e quando isso começa, a gente tem que fazer com que menos pessoas venham a óbito ou que menos pessoas procurem os leitos dos hospitais. Nós temos é que trabalhar com a vacinação para fazer com que a vacina aumente essa proteção. É isso que estamos vivenciando hoje”, desabafou Azevêdo.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube