Covid-19: médica tranquiliza população sobre reações de vacinas

Da Redação*. Publicado em 5 de maio de 2021 às 8:47.

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A médica especialista em imunização Zilah Vasconcelos explicou, em entrevista a uma emissora de rádio campinense, que é normal ter algumas reações após a aplicação, principalmente da primeira dose, das vacinas contra a Covid-19.

“Às vezes, por incrível que pareça, é um motivo até para ficar feliz. Quando a gente faz a vacina estamos fazendo uma estimulação no sistema imunológico para produzir anticorpos e essa estimulação acontece, muitas vezes, com a dor local, reações sistêmicas, uma fraquezinha, uma dor muscular, uma febre”, completou.

De acordo com ela, a vacina AstraZeneca, da Oxford, apresenta um pouco mais de reatogenicidade, no entanto, reforçou que essas reações tendem a diminuir na aplicação da segunda dose, e as pessoas não devem temer os efeitos.

Outro ponto levantado pela médica em suas falas são os boatos de que algumas pessoas teriam adquirido a Covid-19 após a vacinação.

“É impossível qualquer vacina das que temos disponíveis hoje no Brasil provocar a doença, o que pode acontecer é que elas demoram um tempo para conferir a proteção necessária, então você vai ter 1ª dose, 2ª dose e ainda vai levar um tempo para proteção”, ponderou.

Na ocasião, Zilah defendeu também que a vacinação contra influenza muitas vezes sofre dos mesmos falsos boatos.

“As pessoas dizem que tomaram a vacina da gripe e logo depois tiveram sintomas gripais. Sintomas gripais são impossíveis após a vacina da gripe, então essa questão é uma relação de ilusão, onde se confunde gripe com resfriado”, finalizou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube