Vereador denuncia possíveis irregularidades na gestão do Hospital Pedro I

Da Redação. Publicado em 14 de abril de 2021 às 21:47.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O líder da oposição na Câmara de Vereadores de Campina Grande, Anderson Almeida (Podemos), em entrevista concedida à Caturité FM, nesta quarta-feira, 14, denunciou possíveis acúmulos de cargos de nomes diretamente ligados à gestão da Saúde de Campina Grande.

Na sua fala, o vereador afirmou que Gilney Porto, secretário-adjunto da Saúde municipal, seria sócio do atual diretor do Hospital Pedro I, médico Tito Lívio, cunhado do prefeito Bruno Cunha Lima (PSD).

“Nós recebemos uma denúncia que o secretário-adjunto da Saúde de Campina era sócio do diretor do Hospital Pedro I, que é cunhado do prefeito, numa empresa que presta serviços de plantões. Além disso, a denúncia também relata vínculos que ultrapassavam as horas totais de trabalho”, afirmou.

Durante a denúncia, o vereador também questionou um possível acúmulo de cargos destes agentes da saúde municipal.

“O secretário-adjunto ainda é funcionário do Hospital Universitário. Assim como, mais grave ainda, o diretor do Pedro I administra o hospital municipal sem ser servidor público. Ele administra pela empresa, e a gente não sabia que o Pedro I tinha sido privatizado. Nós não estamos questionando a qualidade do trabalho. Sabemos que Campina é referência. Nós estamos questionando o acúmulo de cargos”, situou.

Além disso, o líder da oposição campinense ressaltou que o dever da oposição é fiscalizar a atual gestão.

“Nós temos a obrigação de fiscalizar. Se não fizermos isso nós estaríamos prevaricando. Esse discurso de ‘eu amo Campina’ e coloco meu cunhado pra ser diretor de Hospital; ‘eu amo Campina’ e ganho dinheiro em cima do campinense; ‘eu amo Campina’, deixo a população passando fome e coloco minha família ganhando bem. Eu não caio nessa. Se ama Campina pare de querelas políticas. Vacine o povo, e se a vacina não chegar é culpa do presidente que ele [Bruno Cunha Lima] tanto quer se aproximar”, bradou Almeida.

Por fim, o edil ainda completou que não tem medo de fazer um debate, e declarou que está disponível para falar sobre qualquer operação, seja Calvário ou outras.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube