Fechar

logo

Fechar

Secretário explica manutenção da suspensão de aulas presenciais; sindicato contesta

Da Redação. Publicado em 5 de abril de 2021 às 20:02.

Foto: Secom/ PB

Foto: Secom/ PB

O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros, explicou o motivo das aulas presenciais continuarem suspensas no novo decreto do Estado. Ele destacou que as escolas têm um alto grau de contaminação e, por isso, o setor foi deixado de fora nesta etapa de flexibilização.

Segundo Geraldo, é possível que o setor das escolas seja flexibilizado em uma próxima avaliação por parte da equipe técnica responsável. Também disse que todas a decisões são tomadas levando em conta diversos indicadores e, sobretudo, a ciência.

– É claro que as escolas serão reavaliadas e há a possibilidade de retorno das aulas – colocou.

Para o presidente do Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado da Paraíba, (Sinepe-PB), professor Odésio Medeiros, não há até hoje um registro de aluno que foi contaminado pelo novo coronavírus durante as aulas presenciais.

– Estamos esperando que o governador reveja, porque nós não temos condições de viver eternamente fechados. Nós não entendemos, porque as escolas prestam um grande serviço à sociedade – disse.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube