Secretaria de Saúde do Estado ajusta vacinas para Campina Grande

Da Redação com Codecom/CG. Publicado em 18 de abril de 2021 às 13:32.

Foto: Codecom/CG

Foto: Codecom/CG

A Secretaria de Saúde do Estado corrigiu, mais uma vez, equívoco cometido quando disponibilizou doses a mais da vacina contra o covid-19 para João Pessoa, em detrimento de dos demais municípios paraibanos. Esses equívocos foram alvos de seguidas reclamações do prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima.

No último dia 13 deste mês, por decisão da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) – formado por representantes do Estado e de vários municípios e não inclui Campina Grande – , a correção foi finalmente feita na 13ª remessa da vacinação contra o coronavírus.

O prefeito Bruno Cunha Lima tem aconselhado os demais prefeitos a acompanharem todo o processo de remessa, de forma a garantir uma distribuição equânime, dentre dos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Em outra Nota Técnica, o Estado admite equívocos na 13ª remessa, que também beneficiou João Pessoa, atribuindo o “desvio equivocado ao laboratório”, deduzindo em seguida as doses dadas a mais à capital, depois das denúncias de Campina Grande e demais municípios.

Outra vitória de Campina

Por fim, atendendo a ofício da Prefeitura de Campina Grande, a Comissão Intergestores Bipartite, da Secretaria Estadual de Saúde, aprovou a alteração na estimativa de trabalhadores da saúde no grupo prioritário da Campanha de Vacinação contra Covid 19 em Campina Grande. Do universo de 11.863, o total agora é reconhecido em 21 mil profissionais atuando na cidade.

A Secretaria de Saúde do Estado trabalhava, equivocadamente, com dados de início de 2020, baseado no contingente da campanha da influenza, sem levar em conta a abertura de novos postos com a pandemia e ampliação de serviços para Covid 19, que geraram aumento no número de trabalhadores da Saúde no município.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube