Presidente estadual do Brasil 35 diz que mudança de nome não tem relação com filiação de Bolsonaro

Da Redação*. Publicado em 27 de abril de 2021 às 9:59.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

“Em relação à vinda do presidente Jair Bolsonaro à legenda, a presidente nacional do partido confirmou que manteve diálogo com ele, mas, como já falamos, a mudança do nome do partido era uma demanda da executiva nacional e não teve ligação direta com a [possível] vinda do presidente”.

A afirmação partiu do presidente estadual do Brasil 35, antes Partido da Mulher Brasileira (PMB), Luan Alves, durante entrevista a uma emissora de rádio da capital paraibana.

De acordo com ele, a mudança do nome para Brasil 35 era prevista em ata desde 2017 e tem como objetivo incorporar o nome do país, além de, em sua visão, mostrar amplitude na missão e afirmar ser um partido de todos os brasileiros.

Por fim, Luan ainda destacou as movimentações do Brasil 35 no Estado: “Em relação ao tamanho do partido na Paraíba, tivemos um importante avanço na capital, onde elegemos dois vereadores, também fizemos uma composição majoritária com o PP e com o Cidadania, onde foi eleito Cícero Lucena na Prefeitura de João Pessoa”.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube