Fechar

logo

Fechar

Presos bandidos que furtaram loja de casal morto por covid-19 no Sertão

Da Redação. Publicado em 25 de março de 2021 às 23:40.

Foto: Reprodução/ TV Paraíba

Foto: Reprodução/ TV Paraíba

A quadrilha que furtou equipamentos de som de uma empresa e invadiu a casa de um casal, que morreu com 20 minutos de diferença, no Sertão, devido à covid-19, no mês passado, foi presa em Campina Grande, nesta quarta-feira, 24.

Segundo informações da Polícia Civil, três dos acusados envolvidos no furto e invasão foram presos nos bairros da Malvinas e Portal Sudoeste.

Michael Sanes Medeiros, 33 anos, é acusado de ser o chefe da quadrilha, que é especializada em furto qualificado e atua nos estados do Rio Grande do Norte e Pernambuco.

Além dele, Dorgivan Gomes Sousa e Francisco Roberto Canuto também foram detidos pela Polícia.

Com os acusados foram apreendidos dois carros, sendo um de luxo, e pelo menos 70% do material furtado.

Ainda de acordo com a Polícia, Michael confessou o crime e disse que a outra parte dos produtos foi vendida a equitadoras de Campina Grande. Os compradores também poderão ser responsabilizados.

O casal, José Carlos e Lívia Abreu, morreu com 20 minutos de diferença, na cidade de Cajazeiras, no último dia 22 de fevereiro. Eles eram empresários e, após o sepultamento, a casa e a loja foram arrombadas e os bandidos levaram mais de R$ 100 mil em mercadorias.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube