Presidente do Senado condena: “brincadeira de mau gosto e macabra”

Da Redação. Publicado em 23 de março de 2021 às 20:42.

Foto: Agência Senado

Foto: Agência Senado

Em entrevista na madrugada de ontem na Band TV, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), verbalizou declarações importantes para o instante que o país atravessa.

A dimensão do cargo que ele ocupa da relevo às suas declarações.

Até então, diga-se de passagem, o senador vinha evitando assumir uma postura mais enfática. Confira a seguir.

“E não será uma minoria desordeira e negacionista que fará pautar o povo brasileiro e o Brasil neste momento em que precisamos de união.

“Se o negacionismo era uma tese no início da pandemia, que se desconhecia os efeitos dela e a gravidade dela, o negacionismo passou a ser uma brincadeira de mau gosto, macabra e medieval que não podemos aceitar no Brasil.

“Há dois caminhos que podemos seguir na pandemia: é o caminho da união nacional ou do caos nacional. Cabe a nós responsavelmente, com amor ao Brasil, escolhermos o melhor caminho.

“As instituições funcionam no Brasil, apesar de todo o devaneio daqueles que querem atentar contra a democracia e invocar momentos que o Brasil não quer voltar. A democracia está afirmada e está reafirmada”.

*com informações da coluna Aparte, assinada pelo jornalista Arimatéa Souza

Para ler a coluna completa desta terça-feira, acesse aqui:

Lula ´racha´ o país – Paraíba Online (paraibaonline.com.br) 

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube