Presidente da ACCG critica antecipação de feriados na Paraíba

Da Redação*. Publicado em 29 de março de 2021 às 10:11.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande (ACCG), Antônio Andrade Irmão, não poupou críticas ao decreto que promoveu a antecipação de feriados nesta semana, publicado pelo Governo da Paraíba na última semana.

Segundo o empresário, essa nova pausa nas atividades vai penalizar duramente o setor produtivo do município. Ele iniciou dizendo não compreender o porquê de no período do Carnaval o governador ter baixado um decreto transformando as datas em dias úteis para evitar aglomeração e, agora, praticamente um mês depois, ter feito totalmente o contrário.

– Nos causa surpresa. Eu gostaria de lembrar que, desde o mês de março 2020, os empresários de Campina foram chamados para dialogar para que fossem adotados todos os protocolos sanitários para conter a proliferação do vírus. Investimos nisso, seguimos todas as normas, mas ainda assim estamos sendo penalizados – desabafou, em entrevista à rádio Caturité FM, nesta segunda-feira, 29.

Outra queixa do representante foi a lógica de redução de horários nos estabelecimentos que, segundo ele, causam o efeito contrário do que prometem.

– Não precisa ser nenhum especialista não. Se eu tenho cinco dias para oferecer atendimento a um número de x, e eu reduzo esse prazo para apenas dois dias, lógico que a demanda de atendimentos nesses dois dias vai ser maior, tendo em vista que só serão esses dois momentos para dar conta de um serviço que poderia ser oferecido em cinco. É muito fácil raciocinar isso – apontou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube