Policiais de Sergipe são presos por morte de advogado paraibano

Da Redação. Publicado em 24 de março de 2021 às 13:35.

Foto: Reprodução/redes sociais

Foto: Reprodução/redes sociais

As investigações do caso do advogado e empresário Gefferson Moura, 32 anos, morto em suposta operação da Polícia de Sergipe na serra de Santa Luzia, sertão da Paraíba, ganharam novas repercussões.

Nesta quarta-feira (24), o delegado responsável pelo caso, Sylvio Rabelo, informou que os policiais sergipanos envolvidos na ação foram presos e estão à disposição da Polícia paraibana em Aracaju.

– A Polícia Civil da Paraíba, tendo em vista as investigações, representou pela prisão dos três policiais de Sergipe. Nosso pedido foi deferido pelo Ministério Público e pelo Judiciário e o delegado geral da Paraíba entrou em contato com o delegado de Sergipe para informar da decisão. Eles estão na sede da Polícia Civil de Aracaju à disposição das autoridades de segurança da Paraíba – explicou.

Segundo o delegado, o jovem advogado que viajava de João Pessoa para Cajazeiras, abordado pelos policiais sergipanos, foi executado.

Ele afirmou ainda que a arma encontrada no carro da vítima é originária da polícia de Sergipe e, portanto, foi plantada com o objetivo de incriminar Gefferson.

– Eles mexeram na cena do crime, havia uma arma que eles disseram que era do rapaz e quando fomos investigar ela era originária de Sergipe, ou seja, houve uma execução sumária da vítima. Nós estamos aqui para investigar tudo – assegurou.

Rabelo esclareceu também que os suspeitos não precisarão se deslocar, pois a polícia paraibana deve ir a Sergipe dar andamento às investigações.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube