Fechar

logo

Fechar

Pastor pede bom senso aos colegas sobre realização de cultos presenciais em João Pessoa

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 6 de março de 2021 às 11:47.

Foto: Ascom

O Pastor da 1ª Igreja Batista de João Pessoa, Estevam Fernandes pediu aos colegas pastores que atuam na Paraíba que tivessem bom senso sobre o decreto do governo do Estado, que impôs restrições sobre a não realizarem cultos presenciais para conter o avanço de contaminação pelo coronavírus.

Ele lembra aos demais evangélicos que os tempos estão difíceis e que fechar templo o afeta também e o faz sofrer, mas é preciso que todos se resguardem da ameaça de um vírus que vem ceifando vidas.

Muito embora não haja consenso sobre o fechamento dos templos, Estevam Fernandes fez um apelo.

“Já que não há consenso, que haja o bom senso. Milhares de brasileiros estão morrendo. Treze estados já estão com colapso no sistema de saúde e João Pessoa não é diferente porque os hospitais estão cheio de pessoas infectadas. A gente para um pouquinho em nome do bom senso em prol da vida, em prol da esperança”, disse.

Pastor Estevam ratificou ainda que o bom senso é a capacidade de pensar nos outros e não só em si.

“Os templos estão fechados, mas a igreja não. Nós somos a igreja e ela está aberta mais do que nunca, por isso pense mais um pouco e o bom senso nos diz isso pare um pouco para que a vida não pare. A gente puxa o freio de mão para a vida continuar. Vamos aguardar, Isso vai passar em nome de Jesus. O que se precisa é ter bom senso. Somos na vida, a esperança de Deus”, pontuou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube