Fechar

logo

Fechar

Secretário apela por colaboração dos paraibanos para não decretar medidas mais restritivas

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 4 de março de 2021 às 10:03.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, fez um apelo aos paraibanos para que colaborem para que o governo não tenha que recorrer a medidas mais restritivas para conter o avanço de contágio pelo coronavírus.

Segundo ele, o que está se vendo agora é parte do efeito das aglomerações feitas durante o carnaval e também por conta dessa nova variante do coronavírus que tem a capacidade de propagação maior.

O secretário disse que ainda não tem como fazer uma avaliação da situação na Paraíba depois da instituição do decreto porque agora que fez uma semana, mas o toque de recolher está sendo obedecido e a fiscalização está intensificada pelo Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Agevisa, Procon e Sudema.

“Nós temos tido resultados, mas eles só vão surtir efeitos quinze dias depois, não dá para avaliar no momento”, afirmou.

Com relação à taxa de ocupação de leitos de UTIs adulto, na região metropolitana de João Pessoa está em 87% e mais de 90% nos leitos de enfermarias.

 “Isso já é um sinal de alerta de que nós estamos no pior cenário dessa pandemia. É essencial que a parcela da população que não está colaborando passe a colaborar porque só assim nós podermos continuar com os segmentos econômicos funcionando limitados e não haja necessidade, na próxima semana, de tomar medidas mais restritivas, que é isso que o governo não quer”, enfatizou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube