Presidente do PT afirma que decisão de apoio a Azevedo é da maioria

Da Redação de João Pessoa. Publicado em 10 de fevereiro de 2021 às 21:04.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O presidente estadual do PT na Paraíba, Jackson Macedo deu pouca importância ao recurso que a Corrente Socialista disse que vai entrar perante a Direção Nacional, em Brasília, para anular a decisão de apoiar o governo de João Azevedo (Cidadania). Ele disse que lamenta a atitude do militante Antônio Barbosa, pois esse tipo de ação não ajuda na construção partidária.

“Eu falo pelo partido e nós tomamos uma posição. Tendência é um grupo pequeno e como presidente do partido, nós temos que falar pela representação que tem um posicionamento claro em relação a isso: de permanecer ajudando o governo João Azevedo na Assembleia Legislativa, na Câmara Federal e o PT dando sustentação política ao governo. Nós temos identidade com o governo”, destacou.

Macedo ressaltou ainda que o partido pode ainda estreitar a relação do governo com os movimentos sociais de base e é isso que o PT quer.

“Na resolução. Nós colocamos algumas críticas contra o governo em relação ao enfrentamento da pandemia no que diz respeito à volta às aulas. O PT e contrário às aulas presenciais. Mas não admitimos que depois de uma decisão de maioria, um pequeno grupo acha que é divergente”, disse.

O presidente considera legítimo que se recorra à Direção Nacional, mas que não deveria ter sido divulgado.

“Acho isso muito ruim. Muito embora a decisão já tenha sido tomada por ampla maioria do Diretório Regional e eu como presidente vou defender a posição do PT como defendi nas eleições municipais a posição do partido de apoiar a candidatura de Ricardo Coutinho. Nós vamos seguir a posição política de permanecer aliado do governador João Azevedo”, assegurou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube