Hospital Pedro I deve aumentar quantidade de leitos

Da Redação. Publicado em 23 de fevereiro de 2021 às 22:27.

Foto: Codecom/CG - Arquivo

Foto: Codecom/CG – Arquivo

“Estamos estudando a possibilidade de aumentar leitos tanto de enfermaria quanto de UTI. Em conversa com o prefeito [Bruno Cunha Lima] e com o secretário de Saúde [Filipe Reul] isso é factível. Nós estamos vendo para quando vai ser feito”

A informação foi repassada por Tito Lívio, diretor do Hospital Pedro I, referência no combate à pandemia de coronavírus no município de Campina Grande.

De acordo com ele, a unidade possui sim uma situação relativamente controlada, tendo em vista que a taxa de ocupação atual de enfermaria é 45% e de UTI 42%, mas a intenção é aumentar a possibilidade de atendimento.

“Nós em nenhum momento diminuímos nossa capacidade técnica, nossos médicos sempre estiveram aqui, não demitimos nenhum, inclusive aumentamos a capacidade de profissionais, tanto médicos, quanto corpo de enfermagem e fisioterapeutas, além do espaço físico que temos locais com ponto de oxigênio, respiradores”, exemplificou.

O diretor exaltou a abertura dos Centros de Testagem, três espalhados pela cidade, que, em sua visão, contribuíram com o desafogamento do pronto atendimento do Pedro I.

– No nosso pronto atendimento já chegamos a atender cerca de 600 pacientes em um dia, acredito que ontem mesmo foram atendidos 300 pacientes, metade desses doentes que víamos antes, muito pela abertura dos Centros de Testagem – finalizou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube