Fechar

logo

Fechar

Deputado governista repudia decreto que suspende realização de cerimônias religiosas

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 24 de fevereiro de 2021 às 10:53.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O deputado Jutay Meneses (Republicanos), que é pastor e faz parte da base governista, externou a sua indignação por meio das redes sociais sobre o decreto do governo do Estado da Paraíba, publicado nessa terça-feira (23), que dispõe sobre a adoção de novas medidas temporárias e emergenciais de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus, especificamente, sobre a suspensão de realização de cerimônias religiosas presenciais.

“Não é possível entender a lógica do decreto emitido pelo Governo do Estado, que mantém bares abertos e fecha igrejas. Considero o decreto arbitrário ao determinar a suspensão apenas das cerimônias religiosas, enquanto outros estabelecimentos – públicos ou privados – vão continuar funcionando”, desabafou.

De acordo com o decreto estadual, a partir desta quarta-feira (23) até o dia 10 de março, nos municípios que estejam classificados nas bandeiras vermelha e laranja, de acordo com o Plano Novo Normal, estabelecido pelo Decreto Estadual 40.304/2020, fica suspensa a realização de missas, cultos e quaisquer cerimônias religiosas presenciais.

Contudo, a vedação  não se aplica a atividades de preparação, gravação e transmissão de missas, cultos e quaisquer cerimônias religiosas pela internet ou por outros veículos de comunicação, realizadas em igrejas, templos ou demais locais destacados para este fim, com restrição de presença apenas aos ministros e oficiais religiosos, músicos e o correspondente pessoal de apoio técnico.

“O decreto deixa o comércio, academias, bares e restaurantes abertos, o que é ótimo, mas fecha igrejas. Outras áreas com alto índice de aglomeração não foram tratadas com tamanha severidade. Não entendi quais os critérios que foram adotados. Fica aqui meu repúdio contra essa decisão do Governo do Estado e me coloco contrário a esse decreto arbitrário que foi publicado”, externou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube