Fechar

logo

Fechar

Delegado detalha operação que investiga compra de voto em Massaranduba

Da Redação. Publicado em 11 de fevereiro de 2021 às 23:53.

Foto: Reprodução/ TV Paraíba

Foto: Reprodução/ TV Paraíba

A Polícia Federal da Paraíba, através do núcleo de Campina Grande, deu cumprimento, na manhã desta quinta-feira, 11, à Operação Manilkara, que investiga suposto esquema de compra e trocas de favores por votos na cidade de Massaranduba, Agreste da Paraíba, nas eleições do ano passado. Foram cumpridos oito mandatos de busca e apreensão na zona rural e urbana, e um dos suspeitos é um vereador que participou da eleição e foi eleito.

O objetivo da Operação foi de coletar mais elementos para investigar se houve ou não a prática do crime eleitoral e, quais seriam os envolvidos, entre políticos e população. Na ocasião das eleições, segundo as denúncias, houve troca de votos até por prótese dentária.

Em coletiva à impressa, o delegado Carlos Gastão explicou que a Operação Manilkara faz alusão ao nome cientifico da árvore Massaranduba, que nomeia a cidade.

– De forma geral, podemos dizer que existe um núcleo que seria coordenado por um  dos investigados, que seria candidato à época, e alguns auxiliares e as pessoas beneficiadas. A partir das análises dos materiais apreendidos, iremos saber se houve ou não compra de votos, quais pessoas participaram e responsabilizar os envolvidos Foram apreendidos celulares, documentos escritos, papéis. – disse.

Uma empresa também foi alvo da Operação e o delegado ressaltou que a investigação será realizada com muita cautela.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube